Leaderboard


Popular Content

Showing content with the highest reputation on 15-04-2019 in all areas

  1. 2 points
    Fazia um tempinho que não tirava o Kayak da garagem, estava até com teia de aranha kkkk... Mas ai sobrou um tempinho e dei um pulo aqui no lado de casa com a galera da Liga do Vale do Paraíba, meio período só, mas valeu muito a pena. Comecei as 08h00 na superfície e assim foi até o 12h00 rs, tucuninhas estavam frenéticos, perdi as contas, foram muitos, 90% no popper. Começamos bem na Tapinha da KV, isca que nunca me deixou na mão. Outro Ai coloquei o popper pra testar... esqueci a Tapinha de lado rs As vezes eles atacavam pra espantar a isca e acabam se enroscando. Outro Mais e mais... muitos... Até Jacundá entrou no popper rs Pra fechar o dia... Como diz o ditado... "Não importa o tamanho, oque importa mesmo é que foi na superfície" Materiais utilizados: Vara Custom by Shinn - 10lbs Carretilha New BW Marine Sports Iscas Tapinha e PopQueen50 Kayak Leader Power Drive.
  2. 2 points
    Po, parabéns amigo, que satisfação vc ter enfrentado essa barra e saindo vitorioso e pescando... sensacional. Dica, nunca pare de pescar rs
  3. 2 points
  4. 1 point
    em primeiro lugar, um abraço a todos, bem , também quero deixar meu singelo relato colaborando assim com essa página maravilhosa que é o Pescaki, trabalho na área da segurança pública como soldado da PM e fui acometido de uma grave enfermidade apelidada de "sindrome do pânico", queria matar e morrer, mas DEUS na sua infinita bondade removeu esse meu cativeiro e me restabeleceu minha saúde 100%, ...aí vi que quase morri e não realizei meu sonho que desde criança era de conhecer a floresta amazônica, pesquisando na internet vi uma pousada que me chamou a atenção que é a POUSADA DO XINGU na região de altamira no estado do pará, fechei uma reserva com 01 ano e 03 meses de antecedência e fui pagando as poucos, aí chegou o grande dia (isso foi em julho de 2018), fui atraz dos gigantes de couro da bacia amazônica e no primeiro dia fisguei um belo PIRAMUTABA (mais ou menos uns oito quilos), saiu também uns barbados , mandis e algumas piranhas gigantescas, no segundo dia realizei meu sonho que era de pegar uma pirarara foi uma "briga" mais ou menos e enfim o peixão pousou para a foto que é esse da foto aí com meu nome e nesse dia peguei também mais 02 peixe palmito de bom tamanho ( 03 quilos ) e um peixe de pouco mais de 01 quilo que o guia piloteiro disse ser um pacamon e mais duas pirarara baby rsrsr pequenas, no terceiro dia peguei uns barbados pequenos, mais um filhotinho de pirarara e algumas grandes piranhas ( como é grande as piranhas lá, peguei no anzol barra 08 ), aí a tarde foi show, peguei uma grande pirarara que depois de alguns minutos de briga a linha ( multifilamento ), esbarrou nas pedras e perdi o peixão visto que ela tomou muita linha , bem no quarto dia eu disse pro piloteiro que queria pescar tucunarés e nesse dia saiu alguns belos exemplares de tucunaré pinima , uma cachorra pequena , as velhas e boas piranhas e enfim o peixe que mais me emocionou que foi uma bicuda, puxa vida como ela salta bonito e não se entrega, no quinto e último dia falei pro vanderlan que ele me levasse no poção dos brutos ( eu que apelidei esse poço ), e mais uma "história de pescadô ), fisguei um Jaú e ele tomava muita linha e acabou "entocando" aí perdi o peixão a tardinha eu disse pro guia que queria pegar uns pacus, o interessante é que os pacus lá não passam de 02 quilos que é o pacu borracha , o branco e o curupité, peguei uns trinta mais ou menos iscando com pedaço de laranja e limão e ainda fisguei pela perna uma espécie de tartaruga que leva o nome de tracajá, saiu ainda umas piranhas vermelhas de bom tamanho e umas pequenas pirararas e pra fechar com chave de ouro uma bela cachorra de aproximadamente 10 quilos, que salto maravilhoso esse peixe proporciona, lembrando os nobres colegas que lá é só pesca esportiva, todos os peixes foram soltos em perfeito estado de volta pra água, peixe só se come na pousada ( qualquer peixe ). ... minha segunda pescaria vai ser em outubro agora pois em outubro entro pra RR e vou no PESQUEIRO SALOBRINHA no rio miranda, achei barato um apartamento lá por 80 reais a diária com ar condicionado, só que lá a gente tem que fazer o café , almoço e janta, peço desculpas para os nobres colegas pois tenho extrema dificuldade de colocar as fotos da pescaria que relatei aqui na página do Pescaki, e tenho essas fotos no facebook pra me achar no face é só por mauricio de paula cornélio procópio, lá tenho as fotos dessa pescaria. uma forte abraço a todos
  5. 1 point
    Pode-se dizer que sempre houve uma preocupação entre os honrados ativistas haliêuticos - outra palavra para pescador - e a aquisição de seu equipamento. De fato, coisas como interesse e poder monetário sempre estiveram presentes na hora de conseguir o melhor, desde a fabricação do primeiro anzol, e com ele a descoberta de que um bom material de pesca poderia ser um objeto de troca valioso e desejado. Um bom artesão poderia, assim, conseguir manter sua despensa cheia não apenas com o uso de seu trabalho, mas também com o fruto de suas barganhas. Já foi postado por aqui descrição dessas duas carretilhas side cast de baixo custo, as Angler Scout e a Katiusha, de fabricação Japonesa e Russa respectivamente. Mas não foi colocada uma comparação entre ambas. Equipamento muito assemelhado e forma e função. Praticamente cópias um do outro, inclusive internamente. As duas eram muito semelhantes: equipamentos acessíveis e do tipo que faziam seu trabalho sem medo de ser feliz. Pelo menos a Japonesa era fabricada em vários tamanhos, desde 8-50 até a enorme 80-120. Mas não tenho conhecimento de tamanhos diferentes de sua companheira Russa, embora fosse feita até com material de melhor qualidade. As Angler eram muito suscetíveis à corrosão devido à liga de metal barato de que eram feitas, enquanto a Katiusha era feita em alumínio, um material que permitiria ao pescador até se arriscar em águas salgadas e salobras sem muito medo de estragar seu equipamento em pouco tempo. Essa, uma prova de que as cópias podem até ser melhores que as originais, isso se não foi exatamente o contrário, claro. Na foto, uma Katiusha Russa e duas Angler Scout 8-60. Era comum os pais e avós presentearem os filhos com esse tipo de equipamento para seus primeiros contatos com o nobre esporte devido ao custo acessível dos mesmos, pelo menos nos países onde os mesmos eram vendidos, o que não inclui o Brasil. A nossa memória de pesca, nesse sentido, é um tanto pobre, pois a variedade existente no século passado era mais acessível na Europa e USA, sendo que a atividade da pesca amadora sempre foi maior e mais presente nesses continentes. Falo aqui da pesca amadora dita "sofisticada", onde molinetes, carretilhas e varas de pesca eram objetos muito variados em preço, praticidade, qualidade e acessibilidade, com dezenas senão centenas de fabricantes e milhares de patentes. Esse era o universo de então, hoje acessível apenas por antigos catálogos, reportagens, livros e coleções particulares, e às vezes por um ou dois itens cuidadosamente guardados no armário devido a questões emocionais. Captura de pike com uma Angler Scout 8-120 por Dave Burr (http://daveburrsblog.blogspot.com/) Esse tipo de material ainda é perfeitamente utilizável hoje, tendo pescadores que eventualmente ou até constantemente os usam em suas saídas costumeiras. Notar que para a prática do "Course Fishing", ou seja, pesca em água doce, bastava uns cinquenta metros de linha de razoável qualidade no carretel, uma vara barata, anzóis e bóias na caixa para se ter diversão por muito tempo, anos ou décadas com o mesmo equipamento. Quantos peixes esse tipo de equipamento capturou durante os anos de apogeu? Devem ter sido incontáveis...
  6. 1 point
    Boa noite antes de mais nada gostaria de agradecer ao Dom Yamada pelas dicas!!! Obrigado parceiro!!! Cheguei as 5:15 no domingo passado no tio Oscar... Fui o primeiro... Fiquei do lado oposto ao restaurante dois lugares a direita da pedra... Dia de pesca excelente no quesito produtividade, usei duas varas, torpedo com beijinho chicote 1,5m e cevadeira com chicote de 1,5m com a explosão usando miçanga Sorocaba vermelha... Multi é proibido e entrar com ceva tb... Fica um fiscal passando o dia todo...la é vendida a guabi mini para cevar...achei isso muito ruim , pois as tilapias fazem a festa... Por sorte tinha duas antenas cor de ração com evas minúsculos... Procurei cevar onde ninguem arremessava no intuito de fugir das tilapias e a tatica funcionou... Muito pescador de pino chupinhando ceva... Fds sempre complicado... Valeu a experiência, mas nao voltarei... Postarei as fotos dos peixes... Todos entre 10 e 15kg no máximo... Abraços
  7. 1 point
    Fizerem isso no Casqueiro, não fica um barco na água.
  8. 1 point
    vou tentar, minha sobrinha chegando da faculdade peço uma ajudazinha
  9. 1 point
    É nóix! Tenho apreciado demais a Wäls lager. Muito boa! Ela se tornou minha queridinha nos últimos tempos. Pro dia a dia, a Bohemia é mais em conta e ainda faz meus dias alegres. Beber menos e melhor, esse é o caminho.
  10. 1 point
    Obrigado Bome, abs Valeu Miguelito, abraços maninho
  11. 1 point
    Não existe peixe pequeno quando o conjunto é equilibrado .
  12. 1 point
    Muito 10!! Superfície sempre é muito mais espetáculo.
  13. 1 point
    Seja bem-vindo à participação efetiva no Pescaki, Mauricio! Me alegra que tenha conseguido resolver teu problema de saúde, alegrando-me ainda mais por saber que se dedica à pesca, sobretudo, com idéias de preservação! Parabéns pela jornada, que no teu relato onde se deixam transparecer a alegria e satisfação de ter realizado teu sonho de pescar num lugar assim! Busque dedicar algum tempo a tentar postar fotos aqui e perceberá o quanto valorizado restará teu relato. Não é difícil, mas demanda dedicar-se um pouquinho. Por exemplo se você já tem as fotos publicadas no Facebook, basta abrir cada foto lá na página, clicar com o botão direito do mouse sobre a foto aberta, e copiar o "endereço da imagem". Depois é só vir aqui e colar o "endereço da imagem" e a foto aparecerá de imediato! O único problema de usar fotos do Facebook é que os links são renovados de tempos em tempos, quebrando o link daqui, o que não acontece, por exemplo na página de armazenamento do www.imgur.com
  14. 1 point
    Esta marca fez e segue fazendo história no mundo da pesca!
  15. 1 point
    Legal,é muito divertido brincar com esses tricks e com uma varinha 10lbs deve ser show.
  16. 1 point
  17. 1 point
    Tive o prazer de pescar com algo parecido, uma Alvey, na época da pesca de praia. Equipamento bem versátil, com ótimo drag. Não servia pra montagens modernas.
  18. 1 point
    ...me chama que a grelha está quente...
  19. 1 point
  20. 1 point
    Bela jornada Mauricio ! Parabéns por essa grande pescaria e realização de sonho, e também por vencer essa doença terrível também já passei por uma síndrome do panico e sei o quanto é difícil essa doença. Que você tenha muitas pescarias dessa e melhores ainda e muita paz grande abraço.
  21. 0 points

Parceiros: www.petsEXPERT.pt