Navajas

Pescadores
  • Total de itens

    63
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

10 Boa

1 Seguidor

Sobre Navajas

  • Rank
    Posso pescar por aqui?

Informações Pessoais

  • Localização
    São José dos Campos - SP
  • UF
    SP
  • Sexo
    Masculino

Previous Fields

  • Nome Real
    Eduardo Navajas
  • Sobrenome
    Navajas
  • Estilo de Pesca
    embarcada

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Que delícia!!!! Parabéns!
  2. Deve ter muito pernilongo a noite ! (inveja desgraçada)
  3. Será que tem tilápia ai???? eheheheh
  4. Parceiros, Alguém pode me dar alguma dica sobre pescaria na praia do Forte (BA) ? Se existe algum local mais apropriado para pesca de praia nas redondezas do Iberostar? Se tem algum serviço de fretamento de barco para pesca nas redondezas? Qualquer informação é válida. obrigado Navajas
  5. Fernando, na maioria das vezes eu fiquei embarcado no Juma, e estando embarcado a gente vai mudando de posição, ou seja, sai com as voadeiras para pescar durante o dia e ao voltar resolve se deve descer ou subir mais um pouco o paranã, no caso o paranã do mamori, isso dependendo se nas proximidades tá bom ou não de peixe. Nessa condição você vai conhecendo a maioria dos lagos da região, no maçarico eu pesquei assim, entrando para pescar de voadeira e saindo para voltar ao leito do paranã onde estava o barco grande. O maçarico é um lago estreito e comprido, na minha opinião não é tão interessante quanto o juma, e está razoavelmente povoado em seus arredores das margens, o que tira um pouco do charme de estar pescando na amazônia. Noutra ocasião fique em um tipo de hotel de selva, mas de alvenaria, com camas, ar condicionado e etc. dentro do lago tracajá, onde pratica-se exclusivamente o pesque e solte, local de extrema beleza, mas como relatei anteriormente, dei azar por a água estar excessivamente alta, dai fica bem difícil de pescar, apesar de você encostar o barco próximo a mata e escutar o tempo inteiro o ataque dos tucunarés , mas literalmente dentro do mato, sem a menor possibilidade de se arremessar uma isca lá Eduardo (xará) , janeiro não é nada aconselhável aquela região para pesca, pois é época de chuvas e o nível de água estará subindo. Eu particularmente nunca estive nessa época. Dizem que nessa época aquela região vira quase um único e enorme lago; talvez outras espécies e modalidades possam ser praticadas, não sei...
  6. Fernando, Boa tarde! Estive varias vezes no Juma e comigo cada uma das vezes houve um comportamento diferente. Primeiro: A melhor época realmente é em meados de outubro, porém, é fundamental se informar sobre o nível da água, pois na mesma época do ano, já peguei com vazante muito acentuada, onde precisávamos as vezes até descer do barco para passar de uma ponta do lago para outra parte, nessa condição a água fica extremamente suja, o que eles chamam lá de "água toldada"; capturas foram somente no currico mais pelo meio, iscas com barbela pequena para descer um pouquinho, já que a profundidade não permitia maior descida de isca; exemplares de bons tamanhos variando entre 3 e 5 kg. No ano seguinte o nível estava melhor, ou seja, não tão raso. Foi menos produtivo em volume, porém exemplares bem maiores, saindo até um troféu de 8 kg. Teve captura no pincho e no currico. água bem mais limpa. Próximo ano, mesma época (semana do feriado de 12 de outubro) água na copa da árvores, natureza exuberante, talvez o local mais belo da natureza que conheci, mas em termos de capturas de peixes foi bem fraco, era um esforço hercúleo para sair bem cedo, voltar para o almoço, sair a tarde e voltar no cair da noite com uma ou duas capturas; e olha que estava desta vez hospedado dentro do lago tracajá que é uma reserva. Quanto as iscas, pelo menos para mim, a de superfície nunca deu grandes resultados, tive mais sorte com as de "meia" água. O legal é que além dos tucunarés, tem muito aruanã que é muito esportivo e as trairas, pois essas, basta parar o barco naqueles bicos de água sem saída e pegar quantas quiser. Se vale a pena ir ao Juma?? Vale e muito! Agora, a produtividade vai depender muito do nível da água, e como esse tipo de pescaria precisa de agendamento com certa antecedência, deve-se ir com o espírito de pescador amador em férias....... Boa sorte e boa pescaria. abs
  7. No Itaguá tem um pier do YCU que pode sim pescar, o lugar é bem raso, mas da pra divertir com a familia sim. Mas se você seguir a estradinha que passa em frente a esse pier e na pequena ponte virar a esquerda e seguir por uma estradinha margeando a costa, vai encontrar lá na frente outro pier, onde a noite tem muitos pescadores de espada. Se você tiver disposição de pegar a estrada sentido Caraguatatuba e ir até a praia dura, tem o rio escuro, local bem aprazivel e de facil acesso, dá pra deixar o carro na beira da estrada e descer para tentar uns robalos, é na foz, então sendo no meio da semana sem grandes movimentações de turistas sempre tem alguma ação. Agora, se você vai estar hospedado na praia grande como disse, vale muito a pena se divertir com vara longa de praia no canto sul da própria praia grande, é ação garantida. abs Navajas
  8. Estou dando um up nesse tópico porque no próximo dia 14 é feriado pra mim e vou para Ubatuba ou adjacências atrás de lulas, se alguém tiver notícia agradeço, pois assim posso ir ao local onde possam estar mais frequentes. abs Navajas
  9. Ninguém com boas notícias? Ta demorando esse ano ! Abs
  10. Mas onde pegaram? Preciso ir atras.......... Recomendação medica......rsssssss Abs
  11. Navajas

    Cadê as lulas ???

    Alguém tem notícias sobre cardumes de lulas no litoral norte de São Paulo?

Parceiros: www.petsEXPERT.pt