Eduardo Bacha

Pescadores
  • Total de itens

    40
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

13 Boa

Sobre Eduardo Bacha

  • Rank
    Posso pescar por aqui?

Previous Fields

  • Nome Real
    Eduardo
  • Sobrenome
    Bacha
  • Estilo de Pesca
    Fly Fishing

Informações Pessoais

  • Localização
    Campo Grande
  • UF
    MS
  • Sexo
    Masculino
  1. Streamer para tucunaré azul/amarelo

    Olá pessoal, recentemente atei esse streamer para tucunaré azul e amarelo de pequeno/médio porte. Recomendo o uso deste streamer em água clara, dia ensolarado e com trabalho mais rápido, unindo puxadas de linha curtas com toques irregulares na vara para proporcionar um nado bastante atrativo para quando os tucunas estão bem ativos. Atei algumas em anzol um pouco menor para piraputangas, matrinxãs e trutas. Abraço!
  2. Tambaqui no Fly em Pesqueiro

    Fico feliz em ter ajudado em algo, grande abraço!
  3. Aumento do preço do pesqueiros em SP

    Vish! virou exploração mesmo... Eu planejava visitar alguns pesqueiros de SP final do ano, mas agora acho que nem vai compensar muito... Aqui na minha cidade não está diferente... aqui costuma ser: 13 reais a entrada por pessoa, 40 reais a taxa de pesque e solte por pessoa, 7 reais ração para ceva, 36 reais o almoço, fora bebidas... Cada manhã no pesqueiro, sai entre 120 reais se for só pra pescar mesmo, e 200 se for se alimentar e se hidratar kkk É um absurdo de caro... To quase construindo um lago particular. Abraço!
  4. Crazy Shrimp - O camarão feio, fácil e eficiente!

    Muito obrigado Odimir! Muito bem colocado, inclusive a receita original é feita para salt! Eu adaptei para fresh, mantendo o ótimo desempenho da isca! Abraço
  5. Lago próprio

    Renato, a profundidade média costuma ser de 4m para não ter grandes variações térmicas ao longo dos dias que são loucos aqui na nossa cidade, chegando a variar mais de 10°C em 24 horas. Sobre as licenças, preparo do solo e tudo mais, conserve com o Cleiton do pesqueiro nippon, e com o Wagner da loja Agua Mato ali na Av. mato grosso, eles saberão te dar valiosas dicas pessoalmente... Abraço!
  6. Crazy Shrimp - O camarão feio, fácil e eficiente!

    Faça sim Alexandre, vai ter bons resultados! Experimente atar o Predator Streamer, tenho vídeo dele também, é a melhor isca que já usei para tucunaré! Utilize jigheads pequenos, para não alterar tanto o nado das iscas, caso contrário o nado fica pouco convincente. Abraço!!
  7. Crazy Shrimp - O camarão feio, fácil e eficiente!

    Obrigado Domingos!! Logo que vi que era uma isca diferenciada quis compartilhar, às vezes não precisamos mais do que alguns chumaços de lã para atrair grandes peixes, a pescaria nos surpreende! Obrigado!! Realmente é impressionante como uma isca tão pequena e esquisita consegue atiçar peixes tão grandes e imponentes! Abraço!!
  8. Olá, a sua boia pode estar espantando os peixes. No pesqueiro da minha cidade eu noto muito isso, eu pego bastante peixe no fly e o pessoal de bait com bóia cevadeira pega um ou nenhum. às vezes a água está mais cristalina e dá para ver os tambas gigantes encarando a bóia cevadeira e refugando, o mesmo com os peixes de couro. Aqui eles são super manhosos! 1)Recomendo que tente outras bóias mais discretas, aumente o tamanho da linha entre o anzol e a boia. Se estiver usando anteninha, tente trocar por um anzol com apenas uma imitação de ração ou com a própria ração do pesqueiro iscada. 2)Experimente ir para o pesqueiro sem pretensão de pegar peixe, vá tranquilo pensando só em curtir um tempinho ao ar livre, normalmente nesses dias pegamos mais peixes e quando estamos loucos pra fisgar muitos peixes, eles não entram, é incrível. 3)Se estiver usando encastor (cabo de aço), retire o encastor, deixe somente a linha direto no anzol, tambacu/tambaqui não possuem dentes nos cantos das bocas então não precisa de encastor. 4)Ao sol do meio dia experimente tirar a bóia, coloque uma pequena chumbada de 4g ou a mais leve que conseguir arremessar, pois eles vão para o fundo quando está muito calor. 5)Experimente ver qual isca os demais pescadores estão utilizando, se for massa, comece a fazer as suas, ou pergunte como fazem as melhores, não há motivos para esconderem a receita. 6)Procure arremessar a sua bóia antes, e depois jogar ceva/ração com estilingue ou aquelas colheres de lançar ração. Experimente usar bóia sem ser cevadeira, pois o que já percebi é que na bóia cevadeira as rações vão muito longe de onde fica a isca (eu aproveito isso porque o pessoal aqui joga aqueles trambolhos de 2Kg de ração, elas vão parar metros longe, jogo meu discreto fly no meio e pronto, não preciso nem ter o trabalho de cevar kkk) Então experimente usar bóia normal, pequena, utilize no anzol a mesma isca que está usando para cevar (de preferência ração que é o que estão acostumados a comer). Se não tiver sucesso, volte para a dica nº2 e manda ver. Hora que entrar um bruto mostra foto pra gente. Abraço!
  9. Rio Juma

    Muito interessante seu relato, muito obrigado por compartilhar conosco essas informações! Já esteve no Juma em janeiro? É bom? Abraço.
  10. Streamer para tucunaré manhoso

    Obrigado! Recentemente recebi um material novo da Hareline, chamado Ripple Ice Fiber, resolvi atar uma Predator com o material no dorso, ficou bacana, muito chamativo, mas ainda não melhor que a versão original:
  11. Dúvida sobre criação de trairas

    É muito peixe para pouco espaço, eles costumam ficar muito estressados nessas condições e alguns cometem até suicídio pulando incessantemente contra as paredes da caixa. Se você fosse pegar alevinos ainda menores, não teria problemas pois iriam se acostumar com o ambiente, mas com 6 a 7cm já estão grandinhos o bastante para ficarem revoltados com a falta de espaço. Se for criar em tanque, coloque alface d´água para que eles se sintam mais a vontade (não gostam de claridade direto na cara). Eu no seu lugar soltaria direto no lago próximo a algum lugar rico em vegetação, para que eles tenham chance de se esconder quando algum peixe maior tentar predá-los. Assim terá peixes mais saudáveis, que vão crescer muito mais rápido devido ao maior volume de água, e ainda vai evitar problemas com falta de ciclagem da água da caixa e picos de amônia caso alguns morram. Abraço.
  12. Moscas para tilápias

    Depende muito da marca e modelo do anzol escolhido, para mayfly eu uso marusseigo da Pinnacle número #14 e o Sasame Keiryu ringed #3. Se quiser buscar tilápias maiores, dá para usar o gamakatsu 5013F #4 ou um marusseigo da Pinnacle #16. O importante é o anzol ser leve e de preferência preto para não chamar muita atenção. A curvatura na haste do marusseigo ajuda a manter o gap mais afastado do corpo do atado, o que ajuda a fisgar aquelas tilápias que colocam a isca na boca e em uma fração de segundo cospem. A melhor cor de mayfly aqui onde pesco é a branca, apesar de a verdadeira puxar mais para o amarelo. Outra isca muito eficaz aqui é a imitação de aleluia, com anzol de haste 2x. Quanto ao trabalho do camarão, tem que ser bem lento, espero afundar bem e arrasto o camarão lentamente pelo fundo, não adianta muito toques enérgicos como fazemos para os tucunas, porque em vez de a tilápia ficar curiosa ou interessada, ela se amedronta e vai procurar algo mais fácil de comer. Claro que as técnicas mudam muito de região para região, vale a pena começar arriscando o que outros pescadores dizem dar certo para eles, mas em alguns casos você com a prática vai criar suas próprias técnicas para ter melhor resultado em determinada região.
  13. Moscas para tilápias

    Sim, trabalha bem em águas mais paradas. Arremessa, aguarda o ataque, hora que a isca encharca, faz o pick up, 2 false casts para secar o marabou e repete. Dá para fazer o mesmo corpo, com asa de organza, pena de angola, hi-ty wing fibre e outros materiais com melhor flutuabilidade e menos movimento para águas um pouco mais agitadas. Abraço.
  14. Moscas para tilápias

    Olá, fisgar tilápias selvagens pode ser um desafio e tanto, segue minha pequena contribuição ao tópico: Abraço!