Entre para seguir isso  
Cleiton Gonçalves

Transformar Barco em Lancha

Recommended Posts

Boa Tarde, 

Tenho um barco semi chato borda alta de 6 metros adquirido novo em meados de 2016, estava utilizando um Johnson 15 hp e no final de 2017, mais precisamente na ultimo dia de pesca aberta o motor veio a óbito, por se tratar de um motor muito velho e judiado não teve conserto.
Em pesquisas recentes sobre qual motor comprar e o valor que um novo esta custando atualmente gostaria da opiniões dos vocês  e ver se o meu projeto é muito ambicioso ou se é viável. 

O meu barco é grande e de pouco uso até então, a minha ideia é transforma-lo em lancha ou motor com comando a distancia, colocar um motor com motorização maior que o 15 e adaptar volante e comandos.

Para viabilizar o projeto pensei em um motor de 35 hp tal como o do anuncio  ( http://pr.olx.com.br/regiao-de-curitiba-e-paranagua/veiculos-e-pecas/barcos-lanchas-e-avioes/motor-johnson-35-hp-partida-eletrica-aceito-troca-464105691) já vem com partida elétrica e comandos, e a experiencia que tive com o Johnson 15 foi muito boa, não era um motor que andava bem mais em economia pra mim era excelente. 

A caixa de direção completa estive pesquisando no mercado livre e sai algo e torno de 1.500,00, mais algumas doletas de mão de obra entre outros custo, imagino que com 10 mil faço tudo. Na minha Região Caceres Mato Grosso os motores de 15 hps de marcas conhecidas como suzuki, yamaha e mercury sai em torno de 7.500,00 a 8.500,00. 
 

Na opinião de vocês seria viável deixar de comprar um motor novo de pouca potencia e fazer um projeto desse gastando quase o mesmo valor ?

 

A minha pesca é mais para lazer, em media 1 2 vezes por mês até menos, pesco sempre em 2 no máximo 3, de quando coloco o barco na água ao local de pesca gasto em media 45 minutos rio a cima no 15hp, tenho um consumo médio de 10 a 15 litros de gasolina por pesca a um custo de 4,50 o litro.
O maior intuito do projeto é ter mais conforto na pescaria, partida eletrica do motor o volante e tal... 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Seja bem-vindo ao Pescaki, Cleiton! :joia: 

Sobre tua pretensão, não sei se será uma boa ideia. Contudo, a esperar que mais alguém se pronuncie, sobretudo quem já tenha conhecimento suficiente para opinar com propriedade. Entretanto, o que sei é que um barco obedece regras de segurança e estabilidade pré-estabelecidas em seu projeto, de sorte que uma modificação que se sobrevenha a ponto de modificar seu peso, calado, arrasto, motorização, etc., pode ser bastante comprometedor em termos de segurança, ademais de muito provavelmente você não conseguir homologar a modificação junto à Marinha. :ok:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bome disse tudo. O melhor seria vender o que tem para comprar o que quer. Ou ser feliz com o atual, apenas comprando um motor novo.

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
16 horas atrás, Domingos Bomediano disse:

Seja bem-vindo ao Pescaki, Cleiton! :joia: 

Sobre tua pretensão, não sei se será uma boa ideia. Contudo, a esperar que mais alguém se pronuncie, sobretudo quem já tenha conhecimento suficiente para opinar com propriedade. Entretanto, o que sei é que um barco obedece regras de segurança e estabilidade pré-estabelecidas em seu projeto, de sorte que uma modificação que se sobrevenha a ponto de modificar seu peso, calado, arrasto, motorização, etc., pode ser bastante comprometedor em termos de segurança, ademais de muito provavelmente você não conseguir homologar a modificação junto à Marinha. :ok:

Obrigado Pelas boas vindas.

 

Então Domingos, não é um projeto de fundo de quintal. Eu entrei em contato com a fabricante do barco e eles fazem o projeto, inclusive eles vendem o barco pronto do jeito que eu quero o meu. Vai ter nota fiscal e tudo. Será que mesmo assim eu terei problemas para documentar na Marinha?

 

A parte de vender o barco como o amigo Mauricio  e comprar um pronto, já pensei nisso, mas a desvalorização de vender um barco semi novo é muito grande ainda mais sem motor, pela cotação que fiz não vou conseguir pegar muita coisa apenas no barco com carreta. Mas ainda não descartei essa possibilidade, por enquanto estou vendo a viabilidade do meu projeto.

Estive dando uma peneirada na olx e tem algumas opções até 20.000,00 com motorização yamaha 40 ou mercury 50 com casco de alumínio. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Cleiton Gonçalves disse:

Obrigado Pelas boas vindas.

Então Domingos, não é um projeto de fundo de quintal. Eu entrei em contato com a fabricante do barco e eles fazem o projeto, inclusive eles vendem o barco pronto do jeito que eu quero o meu. Vai ter nota fiscal e tudo. Será que mesmo assim eu terei problemas para documentar na Marinha?

A parte de vender o barco como o amigo Mauricio  e comprar um pronto, já pensei nisso, mas a desvalorização de vender um barco semi novo é muito grande ainda mais sem motor, pela cotação que fiz não vou conseguir pegar muita coisa apenas no barco com carreta. Mas ainda não descartei essa possibilidade, por enquanto estou vendo a viabilidade do meu projeto.

Estive dando uma peneirada na olx e tem algumas opções até 20.000,00 com motorização yamaha 40 ou mercury 50 com casco de alumínio. 

Então, se há um projeto, obviamente que a empresa deverá se responsabilizar perante as exigências da Marinha, inclusive, penso eu, encaminhando o projeto para uma apreciação prévia, para o efetivo registro. :ok: 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Amigo, independentemente da alteração no casco, te digo uma coisa... motor novo é motor novo. Por mais que o cara te diga que dorme abraçado com ele na cama, você nunca terá certeza. Um motor de cilindrada menor funcionando te leva aonde um motor de cilindrada maior não funcionando não leva.

Não sei você, mas eu saio pra lugares bem remotos. Barco mais pesado = barco que não dá pra voltar remando.

Pense em todos os prós/contras antes de qualquer decisão.

Alguns pontos para levar em consideração:

Manutenção
Peças de reposição
Mercado de revenda
Consumo de combustível
Compatibilidade da sua carreta com o novo conjunto
Necessidade de power trim
 

Acho difícil você conseguir fazer tudo com 10mil, pois vai ser difícil achar o motor que você quer usado, com os cabos já na medida que você vai precisar (cabos tem que comprar na medida correta).
Considerando esse motor que você postou, vamos a um cálculo (bem grosseiro):
Motor com comando a distância: R$ 6.000,00
Frete: R$ 500,00
Cabos de comando(já com frete e considerando o tamanho de 14 pés no máximo): R$ 350,00
Caixa de direção completa (considerando que você vai achar uma já com o cabo do tamanho correto e sem frete) R$ 1.500,00
Bateria (para baratear) R$ 180,00
Alterações no casco: R$ 1.500,00
Instalação do motor + caixa de direção e cabos: R$ 800,00

Só até aqui já está beirando os 11mil e nem falamos em banco do piloto, carreta rodoviária, etc.

Boa sorte na decisão.

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Boa Tarde Elizandro, 

Tua conta ficou um pouco mais realista que a minha, a parte dos cabos não levei em consideração, a grosso modo achei que os que estão acompanhando esse motor serveria.

Nessa conta sua um pouco mais realista já passou dos 10, e ainda falta os bancos. 
E ainda entramos na questão do motor já ter um 17 anos de uso, já perde a confiabilidade. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cleiton, vai do seu uso! Se for puramente recreação a transformação vai ficar show do bola!

Mas não vai dar para entrar em alguns rios menores e de profundidade baixa onde tem uns peixinhos bacanas, igual entraria com um Mercury ou Yamaha 15 hp, que zerados, não vão te dar dor cabeça alguma antes das 200 horas de uso!

EDIT:

Agora vi que o motor que queria comprar é ano 2000. 18 anos de uso.

Amigão, eu sou mecânico, técnico automotivo pelo senai, e apesar da pouca experiências nos motores de popa, tu sabe pq um mercury é tão caro né? Fazendo o básico conforme listado no manual do fabricante tu não ter dor de cabeça nem gasto ou surpresa, diferente de um motor antigo, onde as peças de reposição além de caras são raras, literalmente mosca branca.

Eu tenho um yamaha 15hp ano 2004 que era do meu avô, até setembro do ano passado ele não tinha 20horas de uso (1 ano depois que ele comprou veio o câncer o fim das pescarias), eu troquei só velas, rotor da bomba d'água com guarnição, lubrifiquei o que tinha para lubrificar e troquei o óleo de rabeta, eu já tô indo pra 80horas de uso só com essa manutenção (mais uma troca de óleo da rabeta, que eu mesmo faço ao custo de R$15,00), o que tá já dando sinal de cansaço é o hélice, mas o reserva tá na mão junto com o kit que montei desde que peguei o motor.

Pensa bem! Boa escolha. abs.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Já te deram boas orientações aí em cima, mas vou apenas complementar.

Se vc pensa em conforto, o comando à distância já é 60%. O barco navega menos inclinado, vc coloca os bancos, não precisa ficar segurando o manete (com suas vibrações), e nem engatar e desengatar o motor. Tudo isso é feito por cabos, e mesmo com partida manual, funciona muito bem.

Para aumentar o conforto em mais 10% vc instala um kit de partida elétrica (mais ou menos 2 mil reais), aí vc já terá uma bateria à bordo, poderá instalar um sonar, um som, luzes internas para pescar à noite, LUZES DE NAVEGAÇÃO (para sua segurança), e toda sorte de eletrônicos disponíveis no mercado.

Para chegar ao máximo de conforto, vc compra um motor que JÁ VENHA com partida elétrica e power trim (sistema de levantamento elétrico do motor).

Até o segundo ítem de conforto, vc vai desde o 15 até o 40, e não precisa trocar de barco.

Para o máximo, SEU BARCO NÃO SERVE, pois no Brasil, só existe motor com power trim com rabeta de 20 polegadas, e seu barco tem 15. E NÃO ADIANTA ADAPTAR, vai ficar mais caro que comprar um novo.

 

Assim, te digo: Se vc quiser conforto e confiabilidade, invista num conjunto NOVO, coloca um 25 sea pró, kit partida/carregador transcol, e comandos à distância. 

Vai te custar 20 mil reais. Se vai compensar o custo/benefício? Aí é com vc.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom dia Pessoal. Li, li e Reli a opinião de todos vcs, analisei, fiz os cálculos e o projeto se torna inviável.

1° - A escolha do motor, um motor usado vai ser sempre um motor usado, como disse o amigo Elizandro, por mais que o cara durma abraçado com ele é um motor de 18 anos de uso fora de linha com uma dificuldade imensa de se encontrar peça caso seja necessário, 
2° Comprar um motor novo de 25 a 30 hp, já vai me custar acima das 10 doletas, o que também inviabiliza o projeto financeiramente falando.

Estava pensando em vender a o barco e comprar uma lancha pronta, na olx na região de mato grosso entre 12 e 18 mil tem algumas opções bem interessantes, porem são conjuntos com muito tempo de uso, o que demanda uma boa manutenção na hora da comprar e até mesmo fazer uma reforma na embarcação para deixar-la do meu gosto, ( sou um pouco chato com isso, na ligo de usar, mais gosto de ter uma coisa bunita e bem assiada, quando chego da pescaria sempre lavo a embarcação e quando começa a ficar muito sujo o casco por fora eu passo uma cera para tirar aquele zinabre que vai acumulando e a coisa voltar a brilhar, talvez isso seja até um defeito, mais é o meu jeito). Essa manutenção e talvez uma pintura pensando nos numeros inviabiliza o projeto, afinal, por mais que a gaiola seja de ouro ela continua sendo uma gaiola, ou seja, o conjunto vai continuar sendo velho e me passar pouca confiabilidade nas pescarias.

 

O mais certo a se fazer, mais logico, mais viável financeiramente, é continuar com o barco que tenho, como já sitado anteriormente, é um barco com pouquíssimo tempo de uso e que adquiri novo, e comprar um motor semi ou novo, quando falo semi é algo de 2013 pra frente. 

Agora volta a pedir a opinião dos senhores para uma pergunta mais coerente digamos assim. Embora suas respostas anteriores me abrirão muito a cabeça, foi de muita valia.

Encontrei dois motores usados de ano 2014, um suzuki e um yamaha ambos 15, motores impecáveis sem nenhum sinal de chaves nem riscado, apenas um desgaste natural da helice , motores de primeiro dono, por um valor de 4.500,00.

Os novos,  suzuki 6.800,00, yamaha e mercury 8.500,00

Opto por usado, pela diferença de preço, ou um novo de repente o suzuki por ser o mais barato dos 3.

 

Ao amigo Alexandre Campos, visando a parte do conforto, pensei em instalar o banco do piloto, acho que isso me dará uns 20% de conforto na hora da pilotagem.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cleiton, já pesquei aí em Cáceres. 

Pela sua navegação e pescaria, te recomendo enormemente que pense em um 25  Sea pró. 

Vai melhorar bastante a performance do seu barco atual, e vc acha seminovo por um preço de 6 a 8 mil.

E o melhor de tudo, vai gastar igual ao 15 yamaha, que atualmente não é dos mais economicos. E vai ser BEM mais economico que seu antigo Johnson.

Pode pesquisar na net, 10 lts do sea pró vc navega 2 horas à quase toda aceleração.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Obrigado Alexandre, Vou considerar essa opção, um detalhe, qual a diferenca do mercury sea pro e o super ?
No quesito Economia vc julga ele igual um yamaha 15 por exemplo?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso