Ir para conteúdo

Leaderboard

Popular Content

Showing content with the highest reputation since 10/28/20 in all areas

  1. Prezados Amigos do Pescaki, Infelizmente é chegado o momento de nosso fórum encerrar as atividades! Em razão disso, deixo aqui os meus especiais agradecimentos a estes dois caboclos, Maikon e Tuba, que ao criarem a página de início já me convidaram para ajudar na moderação e logo depois na administração, de maneira que espero um dia poder retribuir-lhes o grande bem que fizeram para este servidor. Deixo também meus agradecimentos a todos os Amigos que já fizeram e que ainda fazem parte dos frequentadores do Pescaki, que muito nos ajudaram imprimindo grande movimentação na página. Hoje o movimento é ainda significativo, mas de gente que entra sem autenticar o acesso. Alguns ainda seguem presentes até hoje, autenticando sua entrada, como é o caso de Maurício Hu, Fred Mancem, Armando Ito, Fausto, Renato Barreto, Roque, Tanikawa, Savério, Fraus, Paulo Dualiby, Dog, FerSimon, Vinicius Sotello e mais alguns de menor frequência, aos quais também somos muito gratos! No sentido de preservar, algumas matérias que aqui publiquei serão transferidas para uma página sem fins lucrativos (bomedianoblog.com) que ainda está em fase de montagem, onde seguirei postando coisas novas, sempre na área de pesca esportiva e meio ambiente. Lá colocarei também outras matérias tanto antigas quanto recentes, que por vários motivos nunca foram publicadas. Muito obrigado um forte abraço a todos! Gratidão! Nos vemos por aí nas redes sociais e no blog! PS. Bom, meus amigos, minha página já está no ar. Inicialmente com uma matéria que, apesar de já contar com cerca de 20 anos nunca foi publicada. O Rio do Ouro e o Ouro do Rio Eu ainda não sei a periodicidade com que subirei novas matérias (dentre estas, várias daqui) mas de começo a cada dois ou três dias subirá uma. Espero que gostem e também que curtam e compartilhem direto lá na página, no final de cada matéria, pelos botões lá existentes para isso! É uma página totalmente sem fins lucrativos. Muito grato a todos que puderem dar uma força aí! Quem sairá ganhando é a Pesca Esportiva!
    8 points
  2. Essa Playlist do YouTube vai apresentar uma sequência de vídeos da época do VHS, que motivou muitos aqui no Brasil a tomar conhecimento e iniciar na modalidade.
    6 points
  3. Que seja um facilitador para quem um dia quiser fazer o mesmo.
    6 points
  4. Não sei se essa vai ser a última faixa tocada aqui na Pescaki FM, mas tem toda a propriedade de grand finale. Que nosso som ecoe e perdure!
    6 points
  5. Assim como no belo filme de Robert Redford, "nada é para sempre". Nem o que é bom, nem o que é ruim. Lááááá nos idos de 2000 e pouco, o Tuba chamou pra participar deste que veio a ser o maior fórum de pesca esportiva do Brasil. Aqui tive o privilégio de conhecer - ainda que virtualmente em sua maioria - grandes pessoas a quem tomo a liberdade de chamar de amigos: @Domingos Bomediano, @Mauricio., @Roque Moraes, @Tanikawa, @Saverio, @Renato Fisherman, @Maikon (quando vamos comer outra sardinha daquelas???), @GMarux... dentre tantos outros que sempre estiveram por aqui, nos fazendo rir, pensar, refletir sobre nosso esporte, nossas vidas. Num período de tamanhas mudanças, não chega a surpreender mas, machuca. Sentirei falta daqui. A todos os companheiros de fórum, mantenhamos o contato: Instagram: @fredmancen Um forte abraço e até breve.
    6 points
  6. Não tem como voltar no tempo. Ainda. Pode ser que em algum ponto futuro de nossa existência, possamos ter um mecanismo que o permita, mas hoje, não dá. Seria bom ou ruim? Tal e qual aquela dúvida de criança que, tremendo de insegurança, deixa de escorregar no tobogã do parque de diversões, de pular no lago, de arriscar o primeiro beijo, tenho calafrios de pensar nessa improvável decisão a tomar. Já pensou? Passar o resto da vida lamentando não ter ido com tudo! Sim, a dúvida permanece, a gente só não treme mais as pernas - essas tremem o tempo todo, cansadas pelo passar dos anos. Creio que seria muito bom, o mais difícil seria voltar. Como deixar pra trás no tempo a mãe, o pai, os avós, os amigos que se foram, aquele momento passado que sabemos que não dura pra sempre? Um dia desses um amigo me perguntou qual foi a melhor pescaria da minha vida e eu falei pra ele que tinha sido uma com meu pai na baía de Guanabara em meados dos anos 80. Ele emendou com outra pergunta: " - Pegaram muitos peixes?" Ao que respondi: " - Não lembro". Mudamos de assunto, estava entendido. Nos despedimos em seguida. Ele foi andando, disfarçando um sorriso e eu, uma lágrima. Como seria bom voltar no tempo! Se pudesse, voltaria ao ano de 1978, aquele da Copa do mundo na Argentina (e do vendido time do Peru). Mas não voltaria por causa da copa... Voltaria pra dar um prato de comida àquele morador de rua que eu vi na porta do mercadinho vizinho, comendo uma cebola crua achada no lixo, tarde da noite na véspera de Natal. Eu, então com oito anos, nunca mais esqueci aquela (vinte vezes) maldita cena. Voltaria àquela primeira entrevista de emprego em inglês. I could have been hired. Usaria todas as iscas artificiais que tínhamos em todas as pescarias que fui com meu pai. Ia descer aquele ladeirão de perto de casa freando menos e pedalando mais. Os cabelos ao vento iam agradecer. Teria dado o primeiro passo. Teria aprendido a tocar violão, guitarra, bateria ou cuíca, tanto faz. Teria ficado mais tempo me extasiando com aqueles pores-do-sol em Arraial do Cabo, Ipanema, praia da Bica ou qualquer outra praia que estive. Não ia forçar o equipamento como fiz naquelas brigas com peixes perdidos por um nó que arrebentou ou um anzol que abriu. Andaria de mãos dadas com minha mãe mais algumas centenas de vezes e ouviria mais conselhos. Mas, não dá. Tal e qual Drummond, sigo de mãos pensas, avaliando o que perdi com o tempo.
    6 points
  7. Descobri que sou tão bom em passar roupa quanto sou bom no churrasco: sai quase tudo mal passado.
    6 points
  8. Acabou nada, continuo postando até o último segundo!
    5 points
  9. Roque, continuaremos sempre sendo amigos, mesmo que virtuais, mas de qualidade verdadeira! Um grande abraço! Fique com Deus!!!!
    5 points
  10. ...licencinha...licencinha aos amigos que postaram suas tristezas e sentimentos, particularmente aos citados pelo mestre Bomediano. peço permissão a todos para fazer uso das suas palavras as minhas, a sensação que senti ao iniciar a leitura do mestre é indescritível...não há palavras, mas enfim não há outro recurso a não ser acompanhar o blog que já está com estrelinha. meus agradecimentos a todos sentirei suas ausências...HU, FRED, TANIKAWA ,FRAUS, FAUSTO, BETO, VINICIUS, SAVERIO, ITO, ALEXANDRE FISHING e muitos outros temporariamente com poucas postagens após a pandemia...
    5 points
  11. Uma pena que este momento tenha chegado, mas agradeço de coração o empenho de vocês por manterem este fórum. Aprendi MUITO aqui, aprendi a pescar do jeito que eu gosto aqui no fórum e mais importante, fiz um grande amigo aqui que agora é meu parceiro de pesca. Obrigado a todos vocês!!!!
    5 points
  12. Sempre achei interessante o conceito interline para varas de pesca. Afinal, se as varas podem ser tubulares, por que não a linha passar por dentro delas e assim evitar os passadores? Bom, em minha mente achei que não era feito devido ao conceito de abrasão que as linhas de pesca possuem e vendo inúmeros passadores simplesmente sulcarem feio com o uso pensei na época que isso poderia estragar uma vara de dentro para fora. Mas o fato é que elas foram desenvolvidas e tiveram algum sucesso no mercado no final do século passado. E, claro, acabei comprando algumas com o tempo. Não de qualidade ótima, mas quebravam o galho e me permitiram ver como o conceito funcionava. Este é um modelo que utiliza uma carretilha presa no início do conjunto. Tive de comprar a carretilha e a vara feita para ela. Não é um conceito para arremesso, mas sim, para um tipo de pescaria que eu fazia muito no Casqueiro até pouco tempo atrás, que é a pesca embarcada de Preulas. Para quem não sabe, as Preulas são uma espécie muito....ahnnnn....nobres . E bastava, poitado ou rodando, descer a isca até encostar no fundo e esperar os danados morderem a isca. E tive sempre muito sucesso nessa modalidade . Essa vara tem 4 metros e é tubular, a linha passa por dentro. Não serve para arremessos, é mais como uma vara lisa com a possibilidade de se modular o comprimento da linha, muito embora a carretilha lhe dê também a possibilidade de liberar linha quando da briga com algum espécime maior, que quase sempre aparecia, pois ela possui um clique que funciona como freio suave. Mais efetividade necessitaria usar a mão como moduladora. A tira de borracha foi idéia minha, de forma a poder deixar a vara apoiada no fundo do barco sem riscar o...ahnnnn... barco, claro.... Niobiumsilk. Vai saber..... É um equipamento muito interessante de se usar, posso garantir. Coloquei um pouco de multi 0,20 mm nele, o que acho ideal para o estilo. A ponteira, claro, é feita para esse modelo. Sempre gostei das telescópicas devido à praticidade de transporte e armazenamento. Essa aí cabe direitinho na minha gaveta. Sim, chinesinha até os ossos. Mas só se encontra esse tipo de material por lá mesmo. Deve ainda estar à venda no Ali, apesar de tantos anos terem se passado . Tem estilo, tenho de concordar... Não sei se seria um material para usar direto em água salobra ou salgada, penso que as engrenagens não possuem especial resistência. Mas para se brincar um pouco com os pequenos com a possibilidade de engatar uma Caratinga de quilo ou até um bom Robalo no camarão fresco, achei completamente válido. Ou esses dois aí em baixo. Então, mais um material curioso aí. Bom, até a próxima
    5 points
  13. Um aluno meu foi na direção para reclamar que eu não tratava ele igual aos outros alunos. A diretora perguntou o que exatamente estava acontecendo. Dai ele falou que eu tratava os colegas dele com um certo carinho e com ele eu era normal. Disse que eu chamava a Marcela de Ma, a Fernanda de Fê, o Renato de Rê, o Rodrigo de Rô e etc. A diretora disse a ele : - Volta para sala Custódio, o professor gosta muiiito de você , pode ter certeza disso !! kkkkkkkkkkkkk
    5 points
  14. Prezados amigos do Peskaki, um saludo muito grande desde Peru... (eu peco desculpas por meu ruim portugues ) Depois de alguns anos de ausência dos fóruns de pesca e trabalhando em minha casa, estou tentando voltar. Já se passou muito tempo desde minha última visita ao Peskaki e li suas aventuras. Espero que todos vocês e suas famílias estejam bem nestes tempos estranhos. A primeira feira, depois de mais de três anos sem postar nenhum vídeo no meu canal do Youtube, postei um com as últimas iscas que estou fazendo. Quero compartilhar com vocês um vídeo rápido para mostrar as iscas que estou fazendo para pescar trutas. Eles me divertem muito enquanto os faço ou quando os uso para pescar. Acho que a paixão e a emoção que todo pescador que amarra moscas ou faz uma isca de madeira é a mesma. Nosso sonho comum é pegar nossas belas presas com algo feito por nós mesmos. Desta vez, quero apresentar essas minúsculas iscas de madeira balsa que fiz com o propósito de me divertir quando vou caçar trutas nos riachos do altiplano peruano. O Attila Trout Hunter é uma isca minúscula feita de madeira Balsa, com cerca de 1 5/8 "de comprimento (4 cm), peso de 5/16 onças (3,2 gr), cores fantásticas e naturais, armada com ganchos Gamakatsu nº 12 ou 14, e pequenos olhos 3D feitos na casa. É importante dizer que cada isca é “única”. Para ter uma experiência de pesca de prazer usando o Attila Trout Hunter, é necessário usar um bom equipamento ultralight (cana de pesca UL 5.5 ', linha de 6-8 libras, líder 10-12 FC). Desta forma, você pode ser preciso ao lançar essas iscas leves, e quando pegar uma truta, sinta em HD a luta com aqueles peixes lindos. Convido você a assistir ao meu vídeo usando o link abaixo e, por favor, deixe-me saber a sua opinião e me dê seus comentários e recomendações. Obrigado, https://youtu.be/cnfk_dn9U-E
    5 points
  15. O melhor fórum de pesca que encontrei na internete como nada é para sempre ficam as boas recordações dos postes colocados pelos amigos pescadores. Como a vida continua as pescarias também. Boas pescarias para todos.
    4 points
  16. Puxa. Uma pena, comecei por aqui vendo os relatos do Fernando Braga com suas brigas com as tilápias com a linha mais fina que pudesse. Não sei o que ocorreu com ele também que deixou de postar relatos. Por isso que já tem um tempo que notei que não conseguia mais me manifestar nos tópicos. Arrumei umas iscas antigas sem identificação e queria uma ajuda. rs Muito obrigado aos idealizadores do fórum e a todos os membros da família Pescaki.
    4 points
  17. Criei conta nesse tal de Instagram e já vi que não vou gostar. Ele nem ao menos dá a opção de organizar as fotos em ordem cronológica. Ele mostra o que quer mostrar. E eu não gosto disso. Não gosto quando tentam mudar a forma como eu organizo a minha vida. Pra mim é pão pão, queijo queijo. É como o Gmail, que não cria diretórios, colocando tudo em uma vala comum, achando que ninguém nunca vai apagar nada e contando que a busca é mais que suficiente para a classificação. Então mando tudo para o Hotmail, que ainda me satisfaz nesse quesito. Já vi que vou entrar nesse muito raramente, o que é uma pena. O Instagram faz assim porque só pensa em si mesmo como site, não nos usuários. Tudo o que ele quer é aumentar o tempo de permanência do usuário no site, usando algoritmos. Comigo não, violão. Vai tomar o tempo de quem tem tempo.
    4 points
  18. Acredito que minha participação no fórum se iniciou em 2012, quando, após muito tempo sem pescar, resolvi buscar na internet maneiras de se pescar em pesqueiro e acabei encontrando o Pescaki. Não fui um participante muito ativo na questão de postar muitas coisas, mas sempre que fazia uma pescaria buscava fazer o relato aqui no fórum (majoritariamente em pesqueiros). Vale mencionar o tópico do chicote antena na seção de Pesque e Pague, acredito que, mesmo o Sr. Tamaki não sendo o criador do chicote antena (Sr. Luis), foi a partir deste tópico que a pesca em pesqueiros foi revolucionada, a partir daí surgiram várias e várias ramificações das anteninhas. Quanto a visitar o fórum, acessava praticamente todos os dias, acho que li todos os relatos postados e é uma coisa que sempre senti falta, com o advento do whatsapp e seus grupos, as pessoas começaram a interagir mais por lá. Aprendi muito aqui e tenho certeza de que a maioria também, é o fim de um ciclo que contribuiu e muito para a pesca esportiva, agradeço a todos os participantes do fórum e vai ser estranho chegar no trabalho e não poder dar uma olhada no Pescaki hahaha Abraço a todos e muito obrigado!
    4 points
  19. Que pena que este momento chegou. Aprendi muitas coisas aqui e que levo para minha vida de pesador esportivo. Tentei contribuir de alguma forma e espero ter ajudado em algum momento. Aprendi muito com você, mestre e pessoa querida. Minha eterna gratidão a todos. Que Deus os abençoe sempre. Grande abraço
    4 points
  20. Boa tarde. Esse é um relato de algumas pescarias feitas no mês de dezembro no lago de um condomínio próximo de Atibaia. Neste lago foram soltos Black Bass na década de 60 e a pescaria sempre foi boa. A mais ou menos uns 15 anos começou uma matança de tudo que é peixe que era pescado no lago, Bass, traíra, carpas, bagres e tilápias forma pegos com rede, tarrafa e espinhel sem discriminação de tamanho. O que era esperado aconteceu... a população de peixes encolheu em quantidade e tamanho. As traíras que eram abundantes praticamente sumiram, os Bass então era raro de ver, carpas restaram poucas, bagres nunca mais eu vi e as tilápias que sermpre teve muita e grande ainda tem muita mas não tem mais de grande porte. A mais ou menos uns 2 anos atrás começamos a conscientizar os caseiros da região a não matar tudo o que pegavam e começamos o fiscalizar as redes e tarrafas. Em dezembro criamos um viveiro dentro do lago para a criação de peixes para posteriormente transferir para o lago grande. Criamos também uma campanha de Pesque e Solte que tem sido de grande ajuda para coibir a pesca predatória. Depois de um bom tempo sem tentar pescar os verdinhos, no mês de dezembro vi alguns exemplares na superfície e resolvi arriscar. As fotos abaixo são de várias pescarias com diversas técnicas. Bait, soft e fly (só tilápia por enquanto).
    4 points
  21. Valeu @Fred Mancen. Além dos assuntos sobre pesca aqui no Forum, eu curtia muito visitar o "Pescaki FM" criado por vc, onde sempre tinha postagens de musicas de excelente bom gosto. O acervo de musicas é incrível. Inclusive descobri ali por postagens tua e de outros membros, algumas pérolas musicais que eu não conhecia. Um forte abraço!!!
    4 points
  22. Uma pena!!! Não há nada que conheço que tenha informações de qualidade como um fórum. Se tratando de pesca, no Brasil com muitos adeptos, seja lá de qual modalidade, é difícil acreditar no ponto que chegamos em relação aos fóruns de pesca. Um abraços a todos
    4 points
  23. Que pena que o Pescaki vai deixar de existir..... Aprendi bastante aqui, inclusive comecei a pescar de fly por influência do fórum. Fica minha gratidão por todos os aprendizados que o Pescaki me proporcionou. Um grande abraço a todos!!!
    4 points
  24. Um ciclo se finda ... mas outro grandioso se inicia ... Assim é a vida ... como um rio ... Abrç a todos ... se vemos por aí ...
    4 points
  25. Obrigado a todos que me acolheram desde que fiz a minha inscrição neste fórum. Aprendi muito e também tenho certeza que ensinei o pouco que sei, pois, de que me adianta saber se não compartilhar com os outros? Realmente é uma pena, mas é como o Mestre Bome falou, é um ciclo que se encerra. Quem sabe não nos encontramos em outro fórum por aí? Mas podem ter certeza que vou continuar a fazer o que mais gosto, que é pescar com iscas artificiais, e vou voltar a fazer minhas trilhas de moto também. OBRIGADO A TODOS!!!
    4 points
  26. Estou aqui também desde o começo a convite do Maikon, porém com atividade bem restrita ao tema Fly Fishing. Sou fundador e administrador de um fórum focado ao Fly Fishing e por isso não podia interagir mais aqui por falta de tempo. Um ciclo se completa e fico muito feliz de ter participado desse fórum, que lamentavelmente mais que se vai. Sei muito bem o quanto difícil é manter uma plataforma profissional como essa online e sem fins lucrativos que não seja para se manter, passo por essa dificuldade desde 2005. Para queles que são apaixonados pela pesca com mosca fica o convite para participar de meu Fórum ou até mesmo se inscrever no canal do YouTube. Um grande abraço para todos do Fórum Pescaki.
    4 points
  27. Adeus? Ou apenas um até logo? Pessoal, gostei muito de ter conhecido todos vocês. Desde 2008 que este fórum me foi um lugar muito interessante para bate papo e conhecimento. Desejo um grande abraço a todos. At te, Maurício
    4 points
  28. Pessoal na atual situação onde tudo está subindo de preço eu testei esse protetor solar + repelente um ótimo custo&benefício em torno de R$25~R$27 e só achei em lojas de ferramentas e construção civil. -Não fica melado e escorrendo. -Não tem cheiro forte,segundo a esposa tem um leve cheiro parecido com creme Nivea. A esposa e filhas também se renderam pelo produto barato de trabalhador braçal tudo porque tem repelente junto com a composição do protetor solar,fica a dica.
    4 points
  29. Muito legal a dica! E deve funcionar bem melhor que outros conhecidos. Esse lance de EPI é muito interessante; quando eu tava procurando um óculos pra mountain bike, somente pra proteger os olhos de insetos, poeira, essas coisas, eu vi um tanto de modelos de marcas variadas, com preços que iam de 60 reais a até quase 200 pilas! Fui em uma loja de EPI e comprei um muito parecido com os que vi, com proteção UV e que me custou a fortuna de R$ 19,90!!! Já o uso há cerca de um ano e meio e continua como novo, lentes sem manchas, me protegendo e sem incômodo algum ou desgaste. Sem contar que esse é todo preto, discreto, ao passo que os que eu vi eram coloridos, horrorosos... Daqueles que o caboclo sai pra andar de bicicleta parecendo uma mula de mascate, cheio de coisa chamando a atenção.
    4 points
  30. Caramba! Com esse shut down do Pescaki, perdi de novo aquela postagem do campeonato de pesca nudista feminino na Califórnia... E agora não tenho mais as fotos...
    4 points
  31. Me falaram que era muito usado em material escolar, mas como não é da minha época não tenho certeza !
    4 points
  32. Um Bass Pro japonês radicado nos USA nessa pandemia resolveu se aposentar depois de 37 anos servindo de consultor técnico de diversas iscas e guia de pesca,campeonatos,torneios etc... e como vai pescar agora somente por diversão e agora sem clientes para ensinar e sem torneios resolveu compartilhar e "vomitar" tudo que sabe. E umas das diversas técnicas e macete achei interessante a do Popper. Onde é feito o nó único com 4 voltas no meio do pitão e pingando um super bond para o nó não correr e depois amarrando a linha líder logo a baixo. Esse macete e técnica foi usado em um campeonato pelo Bass pro creio que era Roland Martin o nome citado e que teve ótimos resultados e se não engando até ganhou o torneio. O negócio consiste em não deixar o Popper afundar na popada e o segredo é sempre trabalhar rápido e curto nas popadas e a isca ficando mais exposto na superfície com o nado diferenciado. O trabalho comum do Popper sendo puxado na popada o snap acaba indo para o lado de cima do pitão e pela força aplicada da linha a cabeça da isca acaba indo para baixo e fica nesse vai e vem de gangorra da popada. O líder amarrado direto no meio do pitão até funciona por algum tempo,mas o nó acaba sempre escorregando para o lado de cima do pitão e sempre tendo que ajeitar segundo o Bass pro. Infelizmente não testei como é o macete e técnica,pois está tudo fechado onde pesco,mas está ai a dica. Nó indicado para o para o pitão da isca.
    4 points
  33. De fato, consegui alguma coisa. Mas perdi um monte de posts. Principalmente aquele do campeonato nudista feminino de pesca na Califórnia.
    4 points
  34. Confesso que para mim, isso não restou muito bem compreendido. O sistema mostrado na foto, a não ser que eu esteja enganado, em razão de puxar o pitão pela parte da baixo, só vai fazer a isca ter uma leve afundada no momento do toque de vara, o que é até muito bom para, de fato, empreender o verdadeiro trabalho de uma popper (vai provocar maior mexida na água), mas daí, pensar que a isca subirá em razão da puxada... acho que não. Contudo, tudo depende do ângulo em que a linha estiver em relação ao nível da água. Se a linha estiver alta, pode até ser que levantará a isca, mas se estiver ao nível da água, então a isca vai primeiro afundar, promover uma "poppada" mais forte, para em seguida retornar à superfície. A ver se alguém mais possa nos esclarecer melhor, mas na primeira oportunidade vou testar para ver.
    4 points
  35. Uma pizza quentinha é uma delícia, mas eu adoro uma pizza amanhecida, fria, com um café bem quente!
    4 points
  36. E estão tentando inventar a roda dentro da roda (já inventaram moda)! Tudo maquiagem para dizer que é novo, que é o futuro, blá, blá, blá! E o preço vai lá para cima
    4 points
  37. @Armando Ito, @Domingos Bomediano, @Roque Moraes... Por falar em anos 80, acho que essa é uma das mais icônicas daquela época. Sensacional até hoje! Steve Perry cantando um absurdo, Neal Schon evoluindo a cada álbum lançado, banda ajeitada, no azeite... Ô saudade dessa época que não volta mais!
    4 points
  38. Sempre gostei muito de ouvir Alan Parsons, pra quem não conhece, foi o engenheiro de som de "The dark side of the moon" do Pink Floyd. Acho que é suficiente como referência né? Rsrsrs No começo não se apresentava ao vivo, somente depois de vender muitos álbuns é que passou a fazer apresentações ao vivo. Aqui, duas pérolas do mesmo álbum. Aliás, nesse mesmo álbum tem "Mammagamma", que lembra muito "Another brick in the wall ". @Domingos Bomediano, o que sabe sobre essa similaridade? Já ouvi N histórias mas nunca tive confirmação de nenhuma. Na música "The Gold bug" (álbum The turn of a friendly card) novamente vem a base similar...
    4 points
  39. Manhã para minar chub, gardon e uma bela carpa espelho em um local realmente difícil, onde você é forçado a não ultrapassar o grama de flutuação e como uma linha terminal de 0,11 mm! Boa visão https://www.youtube.com/watch?v=tWWV2xE3UI0 https://youtu.be/tWWV2xE3UI0
    4 points
  40. E pensar que 3 caras faziam esse som... Mike Portnoy arrebenta mas não conseguiu tocar exatamente igual.
    4 points
  41. Lembro-me que no alto do rio Itanhaém, onde a água é permanentemente doce, eram muito comuns uns Mandizinhos claros como o da foto, bem como as conhecidas Saicangas e Lambaris, às vezes vinham até Bagres. Encostar em um ponto bom usando minhoca de isca e anzol pequeno era certeza que se pegaria uma boa quantidade desses peixes. E fiz isso mais de uma vez. Me lembro que eram muito bons para se fritar, junto com os outros citados. Do tipo: limpar, salgar, passar na farinha e bora pro óleo quente. Bagres de água doce costumam ter bom sabor, diferente dos de mar. Após, fazíamos uma bela lambarizada, onde bastava adicionar umas gotas de limão ao peixinho frito e mandar a cerveja goela abaixo.
    4 points
  42. O de cima é sanduba de magro, o de baixo, nem precisa dizer!
    4 points
  43. Um vídeo que eu...ahnnn....achei na internet...
    4 points
  44. Duas coisas preocupam os homens: um barulho estranho no motor e uma esposa silenciosa.
    4 points
  45. 4 points
×
×
  • Criar Novo...