Dede 2012

Dados Incompletos
  • Total de itens

    174
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

6 neutro

Sobre Dede 2012

  • Rank
    Já estou me enturmando!
  • Data de Nascimento 19-11-1997

Informações Pessoais

  • Localização
    Mauá - SP
  • UF
    SP
  • Sexo
    Masculino

Previous Fields

  • Nome Real
    André Dantas Guimarães
  • Sobrenome
    Guimarães
  • Estilo de Pesca
    Diversos

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Ok, obrigado pelas respostas pessoal. Não estou considerando aumentar o tamanho dos jigs já que o tamanho dos peixes não contribui kkkk Vou tentar melhorar meus arremessos com o freio mais aberto, talvez resolva meu problema.
  2. O problema é o seguinte costumo pescar em locais cujo a profundidade costuma passar dos 10m, então se eu fizer um arremesso de 20m por exemplo até a isca chegar no fundo sem soltar linha ela vai ficar bem próxima ao barco. Se a maré estiver correndo muito pode ser que a mesma nem chegue e a linha só vai ficar correndo de lado. Realmente usando molinete não se tem esse problema já que a linha continua a sair sem problema após a isca tocar a água. Também acho que ficar apartamento e soltando o ajuste fino pode prejudicar a carretilha. Mas como já adquiri o conjunto gostaria de continuar a usar o mesmo. Minha dúvida é se estou usando o mesmo de forma inadequada ou se com carretilha é assim mesmo.
  3. Olá a todos!!! Venho tendo uma dúvida em minhas pescarias, recentemente comecei a pescar com carretilha na pesca com iscas artificiais de fundo (jumping jig e jig heads). O problema que venho tendo e que após o arremesso quando a isca toca a água a linha para de descer, a única forma que encontrei para contornar isso e abrindo bastante o ajuste fino após a isca tocar a água. O que me abriga a ajustar o freio a cada arremesso. Ajusto o freio magnética para o número 3 e o ajuste fino até que a isca começe a descer lentamente. Estou usando uma vara lumis excence 5'6" 14lb, carretilha Titan 4000 da marine sports e multifilamento max force da maruri de 25lb com iscas de 8 a 15 gramas. Gostaria de saber se estou fazendo algo errado ou se é assim mesmo na pesca com carretilha e se ficar abrindo e fechando o ajuste fino toda hora pode estragar a mesma. No momento só estou conseguindo pegar peixes pescando na vertical sem arremessar o que me deixa bastante limitado. Agradeço a atenção de todos e desculpem por escrever tanto kkkk
  4. Acho esse grupo uma baita palhaçada gente que aqui se diz pescador esportivo lá bota foto de peixes enormes entre eles garoupas e robalos flechas mortos por arpão, foto de isopor cheio de peixe morto, e incentivo a pesca com rede e tarrafa. Obviamente que não são todos tem gente lá que é pescador esportivo de verdade e troca informações e mostram fotos de suas capturas. Não adiante de nada falar mau do caso onde o cara matava tucunaré e ofendia pescadores esportivos se também estão fazendo sua parte em dizimar as espécies. Já me colocaram lá duas vezes e eu sai, peço por gentileza pra não me colocar lá pois não quero saber que me esforço pra fazer minha parte pescando e soltando enquanto alguns "pescadores esportivos" matam descriminadamente.
  5. Obrigado por sanarem minha duvida pessoal, parece que foi apenas uma coincidência mesmo. Pelo que andei pesquisando tilápias e bagres desovam várias vezes por ano quando a situação se encontra favorável, e os lambaris da represa devem ter se adaptado a se reproduzir em água parada. De qualquer forma é melhor evitar de trazer peixe nessa época
  6. Alguém sabe se peixe de represa faz piracema? Essa semana fui pescar na represa billings e peguei um bagre e algumas tilápias e lambaris que estavam ovadas. Isso é devido a piracema ou foi apenas coincidência, durante o ano não costumo pegar peixes com ovas lá.
  7. Bela captura, uma linda tilápia.
  8. Parabéns pela pescaria É bom ver peixes desse tamanho sinal de que a espécie esta se reproduzindo...
  9. Se puder posta o resultado pra gente ver, e boa sorte na pescaria
  10. Com certeza, nos pesqueiros aqui da minha cidade não temos grandes tambas e nem espécies muito grandes, as espécies mais comuns são tilápias, carpas, redondos e couros de pequeno porte. Por isso muitos pescadores se tornaram adeptos desse tipo de pesca com seu equipamento bem levinho no seu canto pegando suas tilápias, pescaria muito simples e que exige muita atenção do pescador. A tilápia por esses e outros motivos é um dos meus peixes favoritos.
  11. Também gostei muito dessa técnica e também acho que não machuca o peixe por se tratar de um anzol único que fisga o peixe pela boca acaba surtindo o mesmo impacto da pesca com isca natural. Como você disse a situações em que o peixe precisa ser rebocado mas no caso do vídeo acho que era medo do peixe escapar kkk
  12. Segui um vídeo pra quem não conhece, é totalmente diferente. Tilápia no Lobisomem
  13. Amigo essa técnica chamada lobisomem é a pesca de batida, só muda o nome. Não sei se a técnica usada no vídeo tem algum nome, mas se tivesse queria saber pra pesquisar mais sobre isso e tentar uma pescaria com essa técnica.

Parceiros: www.petsEXPERT.pt