Marcos Roberto Santos

Pescadores
  • Total de itens

    192
  • Registro em

  • Última visita

  • Days Won

    2

Marcos Roberto Santos last won the day on June 14 2015

Marcos Roberto Santos had the most liked content!

Reputação

73 Ótima

Sobre Marcos Roberto Santos

  • Rank
    Já estou me enturmando!
  • Data de Nascimento 02-02-1981

Informações Pessoais

  • Localização
    Salvador
  • UF
    BA
  • Sexo
    Masculino

Previous Fields

  • Nome Real
    Marcos
  • Sobrenome
    Santos
  • Estilo de Pesca
    Costão, IA, PdP

Últimos Visitantes

990 visualizações
  1. Minhas ultimas aquisições : Vara Molinete Lumis Exsence Carb 2.13m 30lb 2partes e Molinete Ryobi Zester vx 4000.
  2. Bom dia amigo, Poderia me informar em qual site vc solicitou a licença pois estou querendo tirar a minha? Obrigado.
  3. Parabéns pela pescaria xará, belas capturas e uma boa diversidade de peixes. Qual o nome do peixe da penúltima foto? Abraço.
  4. Boa tarde Bome, A pagina de antes tava melhor. Essa nova tenho que ficar usando barra de rolagem lateral pois o conteúdo da pagina não fica todo a mostra.
  5. Opa.... sabiki é minha isca favorita para peixes pequenos pega de tudo um pouco. Vc pode usar com uma chumbada no final que fica filé e como disse o amigo Kaipo põe uns pedacinhos de isca nos anzol que vai ficar uma beleza.
  6. Boa tarde Filipe, tava fazendo uma pesquisa aki sobre jig no fórum e encontrei esse seu post sem resposta. Não sei se vc já encontrou bons pontos de pesca em Salvador mas vamos lá. Já pesquei muito no quebra mar do comercio, eu só fico lá no final onde vc pode pegar com sabiki sardinha de faca, palombeta, xixarro olho de boi e olho de vidro se for com isca viva (sardinha ou xixarro) pode pegar xareu, cavala , bicuda entre outros) e isca natural (pititinga,camarão ou lula) pode pegar rabo aberto,guaricema,sororoca,guaraçarim entre outros e na boinha vc pode pegar agulhinha que tem de monte lá. Vamos falar de alguns lugares para pescar: No Rio vermelho vc pode pegar alguns peixes, na Barra tem no Cristo, no farol e no iate, em Itapuan na pedra da godia. Se juntar uma turma tem também a opção de pescar embarcado tem um barco que sai do Rio Vermelho, o popoca Cap. Nilinho tem na Ribeira o piratas do caribe Cap. Marcio Careca, tem o seahunter (http://www.seahunterfishing.com.br/) em São tome de paripe do Cap. Marcelo e o proprio Eduardo que leva o pessoal pro quebra-mar com ele só no dias de semana. Tive a oportunidade de pescar embarcado e é outra coisa. Abraços.
  7. Pô tá como moral em Wesley!!! A maioria das minhas compras são na Isca e Cia e nunca ganhei um brinde .
  8. Uma das vistas mais valorizadas de Salvador, com píers particulares e piscinas naturais. Um fundo de mar que, pela riqueza e beleza, impressiona até mergulhadores experientes. Um pedacinho da Baía bastante reservado. Talvez tão reservado que se tornou lugar ideal para o crime. Os moradores do Corredor da Vitória relatam que, recentemente, vêm ouvindo diversas explosões de bomba na região. Mas as vítimas do crime não são só eles. Somos todos nós. É todo o meio ambiente. Pesca com bomba Baia de Todos os Santos (Foto: Divulgação/Valter Pontes) E, na semana passada, um morador finalmente conseguiu registrar uma dessas explosões. Foi o fotógrafo Valter Pontes, 45 anos, que quando se preparava para sair para o trabalho, ouviu uma explosão e correu até a janela. "Eu estava preparando o equipamento, umas 7h e pouco, quando ouvi a porrada. Apesar de morar no 26º andar, fui na janela e consegui fotografar. Foi só o tempo de ajeitar, coisa de, no máximo, 10 minutos", conta ele, que mora na Avenida Sete de Setembro. Pontes registrou um trio de homens pescando com bomba próximo aos píers dos edifícios da região. Apesar de ser crime, a atividade não chega a ser rara na Baía de Todos os Santos (BTS), mas na região da Vitória é novidade até para quem faz o policiamento da atividade. "Normalmente, não temos casos da Vitória. Geralmente, as denúncias são na Península de Itapagipe e em algumas localidades da Ilha de Itaparica", explicou o capitão Moisés Brandão, subcomandante da Companhia de Polícia de Proteção Ambiental (Coppa), da Polícia Militar. Pelas fotos, dá para ver o mar remexido e os peixes boiando. Segundo Pontes, eram os vestígios do explosivo. "Depois, eles foram com o barquinho para perto do prédio do lado, como se estivessem se escondendo. Fiquei muito surpreso, não ouvia isso há uns três ou quatro anos". Apesar da surpresa do capitão, moradores da região dizem que o uso de bombas para pescar por ali tem sido frequente nos últimos meses. "O último que ouvi, há duas semanas, foi à noite. Foi um estrondo muito alto, com um tremor e o eco de lá para cá", afirma o estudante de Administração Riam Santos, 23, que mora na Residência Universitária da Ufba. Três homens são flagrados fazendo pesca com bomba na Vitória (Foto: Divulgação/Valter Pontes) Tempo Os horários preferidos são a madrugada e o início da manhã, segundo o porteiro de um prédio do Corredor da Vitória, que não quis se identificar. O também porteiro Antônio dos Santos, que trabalha na Rua Aloísio de Carvalho, uma rua transversal, reforçou que esses são os momentos mais comuns. "É quando a gente ouve os estrondos. Há alguns anos, quando eu trabalhava no píer, via os peixes boiando de vez em quando", contou. A ação de quem realiza a pesca com bomba é rápida, o que dificulta a captura dos criminosos. Em média, dura apenas 12 minutos, entre o momento da localização do cardume, até o recolhimento dos peixes mortos. "Nós tentamos administrar esse tempo para chegar antes desses 12 minutos, posicionando as embarcações em locais estratégicos, mas é quase uma luta de gato e rato, de Tom e Jerry", diz o capitão Moisés. Lua nova Segundo a polícia, quem comete esse crime procura horários em que a maré está ou cheia, ou vazia. Só não pode ser nos momentos de transição, porque com o movimento da água fica difícil enxergar os cardumes. "Mas na BTS tem um fenômeno três dias antes e três dias depois da Lua Nova, chamado maré morta, que torna a baía um espelho d’água, possibilitando a pesca com bomba em qualquer horário", explica o capitão Moisés. Ele explica que os grupos só contam com uma bomba e não vão desperdiçá-la. "Ela custa entre R$ 60 e R$ 80. Eles conseguem lucro pela quantidade de peixes mortos, apesar de a qualidade ser péssima, porque o peixe vira um mingau. E também há um dano social horrível, porque as pessoas vão perdendo membros, ficando sem braços e com sequelas que atingem famílias inteiras", continua. Através da assessoria, o Exército, que fiscaliza produtos controlados, como é o caso dos explosivos, informou que as bombas utilizadas para pescar são caseiras, fabricadas com pólvora. Em nota, dizem que, "possivelmente, essa pólvora está sendo produzida de maneira ilegal ou obtida por meio da aquisição de fogos de artifício". Polícia afirma não ter conhecimento de pesca com bomba (Foto: Divulgação/Valter Pontes) Impactos ambientais A bomba costuma atingir uma profundidade de até 12 metros, segundo o superintendente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) na Bahia, Célio Costa Pinto. Ele diz que os impactos ambientais da atividade são "devastadores", já que a quantidade de animais diminui muito e há dificuldade de regeneração natural de corais e recifes, a depender do local. "Eles miram o cardume e a explosão mata peixes de diversos tamanhos, mas também afeta outros tipos de vida e seres aquáticos que vivem no fundo do mar e em locais de recife. A perda de biodiversidade é muito grande". Para a promotora Cristina Seixas Graça, coordenadora do Centro de Apoio às Promotorias de Meio Ambiente e Urbanismo e do Núcleo de Defesa da BTS, falta estrutura para os órgãos combaterem a atividade. "Os órgãos precisam se estruturar efetivamente para garantir isso, porque a pesca com bomba não atinge só o peixe, mas tambem as pessoas próximas, o turismo náutico e uma série de outras atividades", pontua. Segundo o capitão Moisés Brandão, da Coppa, além do policiamento no mar, a companhia tem contato com comunidades de pescadores para promover educação ambiental. No caso da pesca com bomba, o policiamento e a repressão são feitos exclusivamente pela Coppa - a Marinha não se envolve porque, pela legislação das Forças Armadas, essa é uma atribuição da polícia de cada região. Fonte: Correio 24h
  9. Boa tarde pessoal, segue algumas fotos da pescaria que fiz hoje no quintal de casa rsrsrsrsrsrs. Tilápia gaiata! Troféu do dia.
  10. Boa noite pessoal segue minhas ultimas aquisições. Camarão monster, shad big ones, savages, popper frog, shake frog, ninja 85, shinner king, snap vfox e spinner laser. Vara Celta Bandit 17lbs E esses últimos comprei em um bazar da receita federal tudo saiu por apenas 50 reais. Iscas Softbait da maruri e ottoni, innas 70, gama 90, vexter leader e 2 vexter multifilamento (que já foram vendidas).
  11. Bom dia pessoal. Nos dias 1 e 2 de agosto teve um bazar aki na cidade com produtos apreendidos pela receita federal como teve muito tumulto no primeiro dia o bazar foi cancelado e retornou no dia seguinte. Muita gente dormiu na fila mas tava organizado porem a fila tava fazendo um caracol terrivel e so distruibuiram 500 senhas e fiquem na mao de novo. Porem o restante dos produtos que não foram vendido nesses dois dias iam ficar disponiveis na sede das voluntarias sociais da Bahia instituição que estava organizando o bazar. Meio desacreditado dei uma escapada do trabalho e fui la no dia 5 e encontrei varios materiais de pesca com preços absurdamente barato, linha multi de 5,00, fluor de 10,00, isca apartir de 5,00 e muito mais. Mas o que me chamou a atenção foi o valor da carretilha Brisa gto 11000 pela bagatela de 40,00... isso mesmo 40,00 fiquei na duvida se pegava ou não pensei "já que não pesco muito com carretilha não irei pegar" e acabei comprando outras coisas. Indo de volta ao trabalho dentro do buzu em me sentir arrependido de não ter comprado aquela carretilha e pensei em retornar no outro dia para comprar soh que foi tarde demais no msm dia ja tinham feito a limpa no bazar e acabei descobrindo que um rapaz que tem uma lj aki no bairro tinha passado la e feito a limpa só tinha poucas coisas e neste mesmo dia ao sair do bazar me deparo com o ele indo comprar o que restou. Pelo menos serviu como experiencia para o proximo bazar (o que vc puder levar, leve se não alguem leva em seu lugar).
  12. Parabéns pelo recolhecimento!!! Ficou massa!!!

Parceiros: www.petsEXPERT.pt