Tiago O - RS

Pescadores
  • Total de itens

    142
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

29 Ótima

Sobre Tiago O - RS

  • Rank
    Já estou me enturmando!

Informações Pessoais

  • Localização
    Esteio - Rio Grande do Sul
  • Sexo
    Masculino

Previous Fields

  • Nome Real
    Tiago Gonçalves Oliveira
  • Estilo de Pesca
    Pesca de Barranco

Últimos Visitantes

619 visualizações
  1. Basicamente pegamos um fecho de capim e amarramos,coloca na água e espera as carpas virem ou pastar, isso funciona melhor com o nível do rio mais baixo, quando elas não tem muita comida.
  2. Primeira coisa é escolher um peixe para pescar, pois cada peixe que você colocou se pesca de uma maneira diferente. Bagres se pesca com isca de funda, então tem de por uma chumbada, que pode ser solta na linha e um anzol na ponta, ou pode ser a chumbada na ponta e alguns chicotes com uns 30 cm cada depois com 1 anzol em cada chicote. Como isca se usa minhocas, caramujos de rio, figado, entre outras. Carpas na minha região para pega-las no rio nos fazemos cevas com capim e depois a pegamos com pedaços de frutas como isca. Traíras se pesca com vara de mão ou molinete e carretilha, pode se usar como isca pequenos peixes ou até mesmo pedaços de peixes, mas a isca tem de ficar sempre em movimento, ou iscas artificias como spinners, frogs, meia água entre outros. Tilápia eu não pesco em rio, pois na minha região não tem, mas nos açudes pegamos elas com massas ou minhoca.
  3. Tenta a isca de fígado no fubá, esse tipo de peixe é meio carniceiro e acabam se atraindo por esse tipo de isca. Da para secar ela um pouco no sol, para ficar mais firme no anzol.
  4. Acho que o mais fácil é utilizar um anzol maior, geralmente os pintados pegam nos anzóis pequenos, assim talvez a isca dure tempo suficiente para os Jundiá acharem ela.
  5. Montenegro é o rio Caí, esse não se encontra com o Taquari, ele vai desaguar no Jacuí.
  6. Outra isca muito boa para pescar jundiás, mas particularmente eu não uso pois tenho pena do bicho, são as rás. Meu falecido tio avô adorava pegar e contar historias das pescarias com rãs vivas, contava que mutas vezes a isca nem chegava a afundar e já engatava em Jundiá, pena que os rios hoje em dias não são nem perto da abundância de peixes que tínhamos por aqui no passado, a pesca predatória esta destruindo tudo.
  7. Aqui na região não temos minhocuçu, usamos minhocas comuns mesmo, caramujos de rio também são muito usados e são uma das melhores iscas, só da trabalho para arranjar.
  8. Aqui no sul chamamos ele de pintado mesmo, mandi aqui é um bem pequeno só que tem a coloração branca, o nosso pintado não passa do 500g, pelo menos eu nunca vi um maior que isso, isso que moro em uma cidade que é rodeada pelo rio Taquari que tem muito desses. Mandi. http://pescanalagoa.blogspot.com.br/2011/07/mandinho-ou-peixe-gato-um-pesixe-da.html Pintado http://pescanalagoa.blogspot.com.br/2011/07/pintado-um-peixe-da-lagoa-dos-patos.html Agora a pergunta, o jundiá é bem mais chatinho de pescar dependendo da região que esta pescando, um local que sei que tem mais abundância de jundiás é o rio Jacuí, na região da cidade de Canoas, tenho parentes lá que pescam muitos jundiás. Já aqui no rio da minha cidade, o Taquari, apesar de ter jundiás de bom tamanho é muito difícil de pegá-los com varas, quando se pega são os exemplares pequenos. Mas tente pescar usando isca de tripa de frango, na minha região é uma isca muito usada para eles, mas geralmente o pegam usando esperas de fundo.
  9. Foi o que fiz, comprei 4 por 12 reais, vamos ver no que da.
  10. Meu interesse é sim em iscas artificiais, onde eu pesco tem muita saicanga, com minhoca é até covardia. Fora que é muito bom ver elas atacando a isca. parecem um torpedo vindo do fundo e pegando a isca, ela a segua as vezes ate quase tirar ela da água, chegando a dar até uns saltinho para pegar a isca.
  11. Adoro essas iscas pequenas de meia água, até lambari se ataca fica preso.
  12. Valeu pela dica, vou dar uma olhada nessas iscas.
  13. Nunca pesquei com colher, mas sempre me pareceu uma isca simples mais eficiente, mais por hora vamos de spinner então.
  14. Na superfície eu tentei com uma Zig zarinha, mas acho que ela é muito grande, elas até subiam mas não chegavam a dar o bote, quero ver se acho alguma Zara bem pequena, abaixo dos 6 cm, pois as vezes eu trabalhava com uma meias água mais perto da superfície e era lindo de ver elas pulando na isca, onde eu pesco elas atacam em cardume então é muito bom pescar elas. É tem duas variedades também, uma mais clara e outra que tem umas manchas pretas que é bem mais agressiva e brigadora.

Parceiros: www.petsEXPERT.pt