Pesquisar na Comunidade

Showing results for tags 'mangue'.



More search options

  • Search By Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Search By Author

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Pesca
    • Bate Papo (novo)
    • Pesca em Geral
    • Relatos de Pescarias
    • Materiais e Equipamentos para Pesca
    • Trabalhos Manuais / Bricolagem
    • Avaliações,Testes e Lançamentos
    • Água Salgada
    • Pesca de Praia
    • Caiaque
    • Pesque & Pague
    • Espécies
    • Flyfishing
    • Legislação
  • Parceiros
    • Pousada Rio Suiá-Miçu
    • Bahia Sportfishing
  • Regionais
    • Pesca em Santa Catarina
  • Diversos
    • Termos e Regras
    • Dúvidas, Críticas, Dicas, Opiniões e Sugestões sobre o Pescaki
    • Café Pescaki
    • Ecologia e Ambientalismo, Ictiologia, Zoologia, Aquarismo, Botânica, etc.
    • Agenda Pescaki
    • Fotografia
    • Náutica e Técnicas de Navegação
    • Carabinas de Ar Comprimido
    • Classificados
    • "Causos" de Pescarias e Outros Textos
    • Gastronomia
    • Tecnologia

Find results in...

Find results that contain...


Data de Criação

  • Início

    End


Data de Atualização

  • Início

    End


Filter by number of...

Data de Registro

  • Início

    End


Grupo


MSN


Skype


Website URL


Localização


UF


Interesses Pessoais


Nome Real


Sobrenome


Estilo de Pesca

Encontrado 14 registros

  1. Visitante

    Tem robalo pra caramba no manguezal

    Boa tarde, meus prezados amigos! Hoje volto a escrever, depois de um final de semana bem produtivo. Segui juntamente com um grupo de amigos - todos os componentes são alunos do professor Hajime - para o município de Guapimirim a fim de fazer pescaria de fly e também de bait. Partimos lá pelas cinco horas, da zona sul da cidade do Rio de Janeiro e pegamos o caminho da ponte Rio-Niterói, seguindo depois pela rodovia Niterói-Manilha até o nosso destino. No caminho passamos por muitos riachos, onde se espera ver traíras em toda a sua extensão, além do cenário que preserva antigas fazendas: conta a história que por ali havia um dos principais portos da região, onde muitos navios negreiros descarregavam os escravos. Chegando ao local da pescaria, no rio Macacu, notamos o potencial piscoso do lugar, com águas tranquilas, manguezal e muita vida aquática. Descarregamos nossos equipamentos e partimos para a pescaria. Saímos em três barcos, cada um com uma dupla de pescadores. Depois de navegar entre riachos e igarapés, chegamos ao mangue e logo peguei a minha vara de fly #8, coloquei um streamer e comecei a jornada. Logo no início, o lugar me dava boas-vindas com um pequeno robalo-flecha esfomeado: que peixe danado! Briguei com o trink, embora o meu material fosse para encarar os avós dele. Mesmo assim valeu a pena e o dia estava apenas começando. Em alguns minutos, os outros pescadores estavam capturando os robaletes com equipamentos de fly e de bait também, todos muito felizes. Perto do meio-dia, paramos para um lanche com troca de informações e começamos a perceber a presença do mosquito maruim naquele local. Solicitamos repelentes, usamos e partimos para a segunda parte do dia, que prometia boas pescarias. Já na segunda metade da pescaria, o nosso amado professor fisgou um baita robalo, que foi para o enrosco e conseguiu escapar, mas o sapiente mestre não se deixou abalar e voltou a pescar o fujão e até capturou mais trinks ali. Havia-se passado uma hora, quando comecei a ouvir uma agitação dos pescadores e vi que nosso mestre havia engatado outro robalo monstro, que envergou a vara de fly #8 dele, o danado não se rendia por nada e, após alguns minutos de briga, o animal se rendeu: QUE RO-BA-LA-ÇO!!!! Eu fiquei impressionado ... era o peixe do dia. Nosso professor, além de nos treinar, também nos mostra como pescar, capturando essas feras aquáticas com a turma dele. A tarde ia passando e o peixe continuava comendo, era um festival de peixes, saíam no bait, no fly e até no pão com mortadela... KKKKKKKK. No final da tarde, a pescaria parou, porque houve uma queda de temperatura e isso influenciou a atividade daquela espécie que, por qualquer coisa, para de atacar. Começamos a recolher o material e regressamos para o local de embarque, onde pudemos contar uns aos outros as nossas experiências ali. Quando você for àquela região, não deixe de experimentar uma boa pescaria de robalos no mangue, é uma coisa de louco, você ficará plenamente satisfeito com o resultado. Eu garanto! (*) RECOMENDAÇÕES DOS MÉDICOS SOBRE A PROTEÇÃO CONTRA PICADAS DE INSETOS 01 Seja generoso: a tendência natural, assim como nos protetores solares por exemplo, é passar menos que o necessário. 02 Seja homogêneo: a ação de um repelente limita-se a 4 cm. Uma simples aplicação na bochecha não protege o nariz. 03 Seja seletivo: todos os repelentes são irritantes das mucosas. Evite passá-los nos olhos, boca e narinas. 04 Repetidamente: deve-se aplicar o repelente a cada 10 horas ou a cada 5 horas se a temperatura for superior a 30° C. 05 Evite roupas escuras e agarradas ao corpo: prefira as roupas claras, compridas e afastadas do corpo. 06 Perfumes provocam alergia e atraem insetos: prefira produtos sem fragrâncias tais como desodorantes sem perfume, sabonetes neutros e xampus sem um cheiro acentuado. FONTE DE CONSULTA: https://www.arcoeflecha.com.br/repelente-spray-exposis-extreme-10hs-osler-france-p1009/ (SITE ARCO E FLEXA)
  2. Bom pessoal, já faço parte do forum como expectador, mas desta vez vou fazer um relato de uma pescaria que fiz recentemente. Já estava com a viagem marcada com destino à João Pessoa, terra onde mora o meu irmão. Desta vez estava decido a levar o material de pesca e arriscar uma pescaria por lá. Acompanhando o forum do Pescaki fiquei muito empolgado com os vídeos do Fabricio Maciel ( ilustre participante do forum ). Começamos a trocar mensagens pelo forum, queria saber mais sobre a pescaria dos baby tarpons. Obtive muita informações e então decidimos marcar uma pescaria quando estivesse por lá. Saímos eu e o meu pai - grande pescador também - com destino à João Pessoa. Levamos a tralha de pesca e cheio de ansiedade para pescar logo. Chegando em João Pessoa uma notícia desagradável. Uma das varas que levei, uma Liger 15lbs se quebrou. Acreditem, por excesso de cuidado. Envolvi a vara com tanto plástico bolha que acredito que isso gerou um giro na ponta e pronto. Felizmente levei uma outra vara, uma Daiwa Aird, e bola pra frente. Meu pai e irmão não estão tao habituados à pescaria com iscas artificiais, possuem até pouca experiencia, mais todos estavam empolgados para o dia seguinte. Domingo bem cedo fomos ao encontro de Fabrico e Pezinho. Ali começara uma amizade. Dois caboclos gente fina e empolgados com pesca, e acima de tudo , muito hospitaleiros. Prepararam tudo, os barcos, a logística do passeio para ser um dia inesquecível. Fabrício é um cara tão louco com a pescaria que tem um carro plotado com um tucunaré açú gigante. image hosting 12mb Recebemos uma aula sobre os Tarpons e o funcionamento da pescaria em mangue. Em um barco fomos eu Fabrício e meu irmão, e no outro Pezinho e meu pai. Pezinho não tem uma fama muito boa em João Pessoa rs, Pezinho vem de pé de geladeira, pé frio. Mas pude comprovar que é lenda, o cara pesca muito. Logo logo no início do dia fomos em direção à um afluente do Rio Paraíba, um rio bastante estreito. Maré correndo bastante, e bastaram poucos minutos e saiu o meu primeiro baby tarpon. Não vou me esquecer do bixo saltando alto, não era grande, mas era bastante valente e brigador. Entrou em uma Rapala XRap Countdonw. free screenshot software Após soltar o bixo retomamos a pescaria. Foram muitas ações. Logo logo Fabrico engatou mais um free image hosting Equanto isso, no outro barco Pezinho estava fazendo a festa com os robalos, mas infelizmente não registramos. Nos encontramos no meio do rio para um bate papo, fazer um lanche e provar a forte pinga da Paraíba. hosting image Durante a pescaria fomos presenteados com momentos de muito sol, e hora com uma chuva forte e bem rápida. Foram mais ações, meu irmão fisgou um dos grandes em uma Ina 90, mas logo logo o tarpon se livrou da isca. Fiquei muito feliz novamente, peguei também o meu nano Robalo, mais era o primeiro da minha vida, fiquei muito feliz, arremesso feito próximo às estruturas e o Robalinho não resistiu à Cultiva Mirabait. Ao final do primeiro dia ainda pudemos contemplar o pôr do sol mais bonito do Brasil, no ponto mais Oriental das Américas e ao som do Bolero de Ravel, com uma platéia gigante. free image host Já estava bastante satisfeito com a pescaria, mais a historia continuaria. Fabricio me ligou dizendo que voltaria ao rio durante a semana e me convidou para mais uma empreitada. Voltamos ao mesmo lugar, e logo no início da pescaria, enquanto nosso outro companheiro Alcion tirava o excesso de linha de sua carretilha corricando com o barco o sortudo fisga um baby a uma distancia tão longa que mal podíamos ver o peixe. Localizamos uma fazenda de camarão despejando água, então foi sucesso total. Muita ação de Robalos. screenshot windows 7 Após o almoço acertamos um local, e foi então um show dos babys. Foram aproximadamente 2 horas de ações, saltos , fisgadas e principalmente fugas espetaculares rs. imgur print screen windows 7 image upload no resize uploading pictures upload gambar jpg images 20mb image hosting image upload with preview E antes de ir embora mais um show de robalos, saiu até Triple. free image uploading image hosting 10mb limit image free hosting photo upload sites upload image online free Saiu até um Robalo na Popper free upload Dias inesquecíveis. Todos os peixes capturados foram devidamente soltos e retornaram à vida. Gostaria mais uma vez de agradecer ao Fabricio e Pezinho por toda atenção e receptividade. Espero vocês agora para uma pescaria aqui em Minas Gerais. Agradeço também ao meu amor e grande companheira, Débora que é pescadora também, apesar de não estar presente, sempre me apoia e curte as aventuras. Da próxima vez iremos juntos. Um grande abraço à todos.
  3. Fala Galera !!! Sempre pesquei em Santos e Guarujá mas sempre na costeira (Moela, Navio, Góes etc) Mas agora estou querendo focar mais na pesca no mague com plugs, Jig Head etc. Gostaria de dicas de locais bons por lá, pois só conheço o mangue como caminho para o mar kkk. Se alguém tiver conhecimento onde costuma sair os robalos por favor nos passe, eu pratico o pesca e solta entao fiquem a vontade em passar bons locais , pois os peixes continuarao por lá rsrsrs. Um grande abraço
  4. Ola pessoal... Moro no litoral na divisa do Rio Grande do Sul com Santa Catarina, o rio que faz a divisa é o Mampituba, e sai vários Pevas por aqui no verão, mas gostaria de conhecer o Mangue, e acredito que tenha mais peixes por lá... Sabem me dizer aonde que eu encontro por aqui por perto? Digo por perto na questão de uns 100km ou um pouco mais Abraços
  5. Fala amigos pescadores! Tive a felicidade de acertar a pescaria com o guia Luiz 11 94775-9087, guia e pescador da melhor qualidade, sua humildade é fora de séria! O dia começou bem fraco no Plug, partimos para o Jig Head sem muito sucesso, tentei o Jig de Sapinho e saiu uma bela corvina para alegrar o dia, mas o dia continuava difícil, saiu poucos peixes até as 14:00. Rodamos muito atrás dos melhores pontos, mais um ponto para o guia, sem preguiça de achar o peixe Lá pelas 14:30 a maré começou a correr e estávamos no local certo na hora certa, foi a pegadeira! Vários triples, ninguém queria perder tempo para as fotos Pelas 15:15 caiu uma baita chuva, pensamos: Lascou nossa pescaria! Mas por volta das 16:00 a chuva parou, voltamos para o mesmo ponto e os danados dos robalos estavam doidos, era um peixe por arremesso e assim foi até por volta das 17:30. Dia maravilhoso! Curtam nossa página do Facebook
  6. Pessoal como notei que muitas pessoas estão em dúvida quanto ao comportamento do Caiman 100 no mangue então fiz um vídeo de uma pescaria com Caiman no mangue. Como não encontrei nenhum teste no mangue resolvi gravar minhas considerações totalmente imparciais independente de marca ou modelo. Já tive Hunter, Pinguim e Lontras e neste vídeo aponto todos prós e contras do caiaque, me desculpe pelos problema de edição e espero que possa ajudar alguém. Seguem as condições encontradas: Teste, Review Caiman 100 no Mangue - Rio Boguaçu - Guaratuba - Pr Direção do vento S S ESE E E E Velocidade do vento (km/h) 15 18 22 30 40 42 Pressão (hPa) 1018 1016 1016 1018 1018 Temperatura da água: 26 ºC Clima: Parcialmente Nublado com Garoa Sexto dia da lua crescente Data:03/01/2015 Total de capturas: 12
  7. Gil Valadares

    Alguém do ES, aí?

    Pesco só com isca artificial, de caiaque ou na costeira. Alguém do ES por aí?
  8. Salve galera, FELIZ ANO NOVO! Esse primeiro relatinho de 2015 é na verdade um apanhado das últimas pescarias de 2014. Em dezembro último tive a oportunidade de ajudar um amigo carente... carente de pescar robalos rsrsrs Recebi aqui no ES a visita do grande irmão Baca, "ex-capixaba" e "ex-robaleiro" de marca maior. Fizemos algumas investidas nos mangues da região juntamente com o parceiro Walter de Linhares e elas renderam boas capturas e ajudaram a curar um pouquinho no amigo a saudade dos bocudos prateados e de outros peixes de água salgada. Além dos flechas e pevas, muitas espécies deram as caras, como vermelhos, ubaranas, pescadas, xaréus, ciobas e várias outras. Bom, vamos às imagens... Os berés estavam bastante ativos e apareceram em todas as cores e sabores rsrsrs... Era tanto peixe que em certo momento começou a chover xaréu! Por fim, pra provar que quem foi rei nunca perde a majestade, o visitante mostrou que ainda tem a manha de achar e embarcar bons flechas... Bom é isso galera, o fim de ano foi bem interessante dentro d'água e pelo visto prenuncia um verão de ótimas pescarias! Grande abraço a todos e um 2015 de muito peixe na linha!!! P.S.: pra quem gosta de saber, as iscas usadas com maior sucesso nessas pescarias foram: - Camarões Monster 3X - X-Flat Monster 3X - Borá 7,5 - OCL Spitfire Baby - OCL Lipstick 7,5 - OCL Zap Minnow - OCL Jerk SS 60 - Jumping Jig Sapinho 25gr
  9. Salve moçada! Tenho postado pouco por conta da correria aqui e tenho tido pouco tempo pra pescar também, principalmente aos finais de semana. Aí vocês sabem como é... o jeito é apelar pras "rapidinhas" antes ou depois do expediente, no meio da semana mesmo. Felizmente a região em que moro (Vitória/ES) ainda oferece possibilidades de boas pescarias dentro da cidade ou em locais próximos, mesmo que seja apenas uma escapada rápida de 2 ou 3 horas. Nos últimos tempos tudo o que consegui fazer foram algumas incursões rápidas nos manguezais e nos costões aqui da nossa região metropolitana, mas pra minha felicidade bons pevas estavam presentes e muito ativos nos dois ambientes. Não registrei a maioria das capturas (com pouco tempo livre e na maioria das vezes pescando sozinho fica difícil tirar muitas fotos), mas posto abaixo alguns dos que fotografei... e já peço perdão pela qualidade das imagens rsrsrs... Primeiro, no mangue: De vez em quando apareciam alguns intrometidos na festa dos pevas, como esse flechinha: E esse "robalo de bigode" fisgado pela barriga: Mudando pra costeira os robalos estavam ainda mais ativos e maiores... E assim têm sido as últimas pescarias. Nada mal pro pouco tempo disponível... tenho que agradecer a Deus pelo "quintal" que tenho. Pelo menos ele me permite não ficar louco enquanto não consigo mais tempo pra fazer pescarias mais longas e planejadas hehehe... Grande abraço a todos! / Sesquim
  10. Diogo Apolianderson

    passeio no mangue

    Fala galera do Pescaki, na semana passada fui pescar com o amigo Daniel e o Leandro no mangue de Goiabeiras em Vitoria /ES. Como era minha primeira caída no local, perguntei a alguns caiçaras onde havia algum ponto bom pra robalo, em uns falavam que: "é ai no mangue todo", " cara ñ tem robalo aqui mais ñ"...etc Um deles falou que tinha um lugar: "vcs vão em frente e no fim desse canal pegue sempre a direita, vai haver um local com mtos troncos no fundo, é só descer a linha". Batemos pra cá, pra lá e até que sairão alguns tricks, mas o lugar onde ele falou o sonar ñ mostrou ñ...( acho que ele nos mandou pra bem distante dos peixes). Uma coisa aprendi, se quer ir pescar em um lugar desconhecido, nunca peça orientação as caras locais, só te mandarão pra lugares sem peixe, descubra vc mesmo. Bem vamos as fotos que é o que mais importa olhem o tanto que remamos atrás dos "troncos no fundo" o lugar Leandro lutando com seu motor Daniel parece que já sabia o que esperava, todo feliz e eu o fotografo do dia( ñ acertei nada) agora os PEIXESSSSS e aos amigos de plantão, que peixe é esse? mesmo com poucos peixes e os que entraram foram os filhotes, valeu o dia com os amigos. na próxima ñ ficarei de fotografo ñ...rsrs
  11. Salve galera! Por conta de muitas coisas que vem acontecendo por aqui (boas em sua maioria) e de alguns projetos pessoais, tenho tido muito pouco tempo pra pescar e também pra frequentar o fórum. Desde dezembro do ano passado que não fazia uma pescaria boa de verdade. Pra ser sincero esse ano caí n'água pouquíssimas vezes e sempre acontecia algo que impedia a pescaria de "vingar". Finalmente o ano de pesca começou pra mim nesse último sábado. Junto com mais 4 companheiros animados (Felipe Martins, Wagner Gaspar, Fernando Castorino e Luiz Felipe Marchiori) rumei pro Rio Reis Magos, aqui mesmo na Grande Vitória, pra fazer uma pescaria rápida, porém bastante produtiva. Havia vários meses que não visitava esse manguezal e o que mais impressionou dessa vez não foi a variedade de peixes na linha e sim a quantidade de flechas de porte interessante que apareceram por lá. Os camarões Monster e os sticks Spitfire da OCL e Red Pepper Baby da Tiemco foram as iscas mais efetivas. Sem mais delongas, seguem algumas imagens da pescaria: Bom é isso moçada, fico feliz em "estar de volta". Deu pena de sair da água às 10h da manhã nesse dia, mas foi um bom re-começo rsrsrs... Grande abraço a todos! Sesquim
  12. bernandrade

    Itanhaém - Sp

    Fala pessoal, este final de semana estarei por Itanhaém. li em alguns topicos que é um ótimo lugar para se brincar com os robalos. com o pouco que aprendi, vi que não é a lua ideal para a pesca. mas gostaria de saber qual é o melhor horario, melhores pontos para desembarcado e se ainda estão batendo nesta época do ano. abraços.
  13. Ducamargo

    Qual barco comprar

    Bom dia amigos Pescadores Estou querendo comprar uma embarcação porém estou na duvida segue as opções mas tbm aceito sugestões : Meu caso seria para uso na costeira de Guaruja, Bertioga e também nos mangues próximos . Estava de olho em uma Bass way 16 motor 75 hp mercury porém estou achando ela um pouco pequena para pescar confortável(4,5mts) embora eu sei que sua navegação é muito boa Tem também a savagge metálglass 5513 com motor de 60hp e 5,5mts porém nao sei sobre sua navegação na costeira E por fim a tradicional levefort Oque vcs acham Grato

Parceiros: www.petsEXPERT.pt