Ir para conteúdo

Pesquisar na Comunidade

Showing results for tags 'pacu'.

  • Search By Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Search By Author

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Pesca
    • Bate Papo (novo)
    • Pesca em Geral
    • Relatos de Pescarias
    • Materiais e Equipamentos para Pesca
    • Trabalhos Manuais / Bricolagem
    • Avaliações,Testes e Lançamentos
    • Água Salgada
    • Pesca de Praia
    • Caiaque
    • Pesque & Pague
    • Espécies
    • Flyfishing
    • Legislação
  • Parceiros
    • Pousada Rio Suiá-Miçu
    • Bahia Sportfishing
  • Regionais
    • Pesca em Santa Catarina
  • Diversos
    • Termos e Regras
    • Dúvidas, Críticas, Dicas, Opiniões e Sugestões sobre o Pescaki
    • Café Pescaki
    • Ecologia e Ambientalismo, Ictiologia, Zoologia, Aquarismo, Botânica, etc.
    • Agenda Pescaki
    • Fotografia
    • Náutica e Técnicas de Navegação
    • Carabinas de Ar Comprimido
    • Classificados
    • "Causos" de Pescarias e Outros Textos
    • Gastronomia
    • Tecnologia

Find results in...

Find results that contain...


Data de Criação

  • Início

    End


Data de Atualização

  • Início

    End


Filter by number of...

Data de Registro

  • Início

    End


Grupo


MSN


Skype


Website URL


Localização


UF


Interesses Pessoais


Nome Real


Sobrenome


Estilo de Pesca

  1. Olá meus nobres amigos pescadores, estou de volta, contando e mostrando uma pescaria de fim de semana; rsrsrs, que nem sempre é o dia do mosqueiro! Estive em Tinguá, na cidade de Nova Iguaçu, no estado do Rio de Janeiro; a fim de testar umas iscas que eu próprio atei e perceber a sua efetividade. Para a minha felicidade este quesito foi nota 10, as iscas pegaram bem, saí satisfeito pra caramba em ver as minhas invenções darem certo, mas sabe como é né, o homem que tem espírito de pescador jamais vai testar suas iscas e voltar para casa sem antes fazer uma boa pescaria. Foi isso mesmo o que eu fiz e aquele domingo me reservou um desfecho que eu tive que engolir: veja você mesmo no vídeo!
  2. Já faz algum tempo que tenho me interessado pela fabricação de iscas artificiais, depois de estudar um pouco sobre, resolvi fabricar uma e colocar a prova no pesqueiro Sanga Funda, na cidade de Nova Santa Rita - RS. Fiquei muito surpreso com o resultado... Um abraço e até a próxima
  3. Mais um belo exemplar capturado no Gabardo, esse com a isca salsicha, no fundo. Apenas fiquei com a dúvida, é pacu ou tambaqui? Já pesquei alguns exemplares de pacu, mas esse apresenta uma coloração um pouco diferente, e por ter tambaqui no lago, acabei sem conseguir definir a espécie. Um abraço e até a próxima?
  4. Olá galera , escutei falar que em um pesqueiro da minha região , pesqueiro do Kondo estava pegando pacu com nozes de isca , alguém já usou ? Sabe como isca no anzol? Vlw galera.
  5. Boa tarde, amigos pescadores! Mais um vídeo com o intuito de ajudar aqueles que estão inciando na pesca esportiva! Um abraço.
  6. Estava contente e feliz pescando traíras com frog, de repente um estouro, logo pensei que era uma traíra grande, bem grande. Para minha surpresa era esse lindo pacu que resolveu vir na beirada do barranco abocanhar o meu frog! Nunca tinha visto isso antes, e achei incrível! Um abraço e até a próxima.
  7. Nunca tinha conseguido pescar pacu com isca artificial, isso até esse dia, foram várias capturas e teve até dublê com apenas uma isca, isso mesmo, se não fosse gravado ninguém acreditaria! Acompanhe essa pescaria muito legal de pacu com iscas artificiais. Um abraço e até a próxima.
  8. Olhem essa pescaria de um amigo realizada em um pesqueiro aqui no RJ, tem muito peixe no local. Peço pra galera se inscrever no canal pra dar uma força, postamos videos toda terça e quinta sobre pesca . dicas,
  9. Uma surpreendente e produtiva pescaria de pacus com frutas. Maça e mamão eram as frutas disponíveis no dia, mas também se pesca com uva e banana nesse pesqueiro, muito legal não é? Nunca pesquei tantos pacus em um só dia de pesca, foi um dia muito legal de pescaria. Um abraço e até a próxima.
  10. O objetivo eram as traíras, essas se encontravam muito manhosas e difíceis de capturar, sorte que um pacu resolveu se assanhar e abrilhantar essa pescaria, que acima de tudo foi mais um maravilhoso dia em família. As fotos das capturas podem ser vistas no Facebook. https://www.facebook.com/RobPescaRS/ Um abraço e até a próxima.
  11. Boa tarde pessoal, segue os videos da pescaria que fiz domingo com a minha namorada na chacara de um amigo meu o dia foi bem legal! quem puder estar curtindo o vídeo la no youtube e se inscrever no canal vou estar sempre postando e tentando melhorar cada vez mais!
  12. Olá amigos pescadores, venho novamente trazer um relato das minhas pescarias. Desta vez fomos até Parobé - RS visitar um pesqueiro chamado Reviver, o local é bem agradável, na verdade trata-se de um sítio com um lago bem grande e vários tanques. O local é bem famoso pela pesca de traíras com iscas artificiais, e a fama não é a toa, capturamos várias bocudas e ainda para finalizar com chave de ouro um pacu. Além das bocudas e dos pacus os tanques ainda tem varias espécies de carpas, e tilápias. O destaque dessa pescaria foi uma traíra que entrou na massa de panetone que tinha preparado para as tilápias. Nem todas as capturas estão no vídeo, algumas só tiramos fotos que podem ser vistas na página do Facebook. https://www.facebook.com/RobPescaRS/ Um abraço e até a próxima.
  13. Olá meus amigos pescadores, o que acharam do vídeo? Espero que gostem.
  14. Neste final de semana estive participando de um evento num hotel na cidade de Cesário Lange, interior de São Paulo. O hotel possui 2 belos lagos e permite aos hóspedes a prática da pesca esportiva, então, levei algumas tralhas para tentar a sorte já que teria tempo livre no Sábado pela manhã (22-10-2016) . Belas paisagens, típicas dessa região do estado: Levei dois conjuntos leves. No primeiro uma vara de 24 lbs e linha multifilamento Power pro de 30 lbs e no outro uma vara de 16 LBS e linha multifilamento NS de 24 lbs, ambas com líder de fluorcarbono 0.50 mm e com anzol worm offset 3/0 Gamakatsu e um pequeno empate de aço, utilizando salsicha de frango como isca Embora com o tempo aberto havia muito vento, o que atrapalhou bastante, mas mesmo assim consegui duas capturas de pacus, uma em cada lago, sendo as duas no conjunto mais leve o que, para mim, fez valer o final de semana. O local possui dois lagos e o primeiro o peixe foi fisgado no lago maior. Um belo exemplar com aproximadamente 5 Kg que posou para a foto: e foi devidamente liberado https://youtu.be/IhVuwXtYkLc Aproveitando a ocasião, como sou pescador de mar, fiquei em dúvida em relação a esse peixe e gostaria da ajuda dos amigos que habitualmente pescam em lagos. Trata-se de um Pacu ou seria o híbrido que chamam de Patinga? No segundo lago fisguei outro belo exemplar, mas acabei ficando numa sinuca de bico, pois o local era muito alto e não havia puçá disponível, então, a solução foi tentar arrastar, até que acorreu o óbvio... o anzol abriu liberando o peixe , o que acabou sendo um alívio. Pelo menos filmaram a melhor parte da briga: https://youtu.be/N-vDePBzFXk Muito legal esse lugar, tem até jacaré: Abraço a todos !
  15. Buenas pessoal. Compartilhar com coces mais uma experiência utilizando a tabela de soluçares. Minha terceira tentativa (dois relatos) com sucesso no uso da tabela. Mas o que vale mesmo é ir pescar. Meu tempo livre para fugidas tem ficado curto então usando as soluçares posso programar melhor e ao mesmo tempo ter sucesso pegando uns peixes em especial os pacus que atacam bastante na artificial neste pesqueiro. Um dia antes tinha observado um horário bom de aproximadamente do 12:00 as 14:00 pela tabela. Adiei o almoço e cheguei ao pesqueiro um pouco atrasado... eram 12:40...na superfície da água não havia movimento de peixes, a temperatura caiu bastante nos últimos dias, água fria, estava sem muito sol, nublado. Nada indicando uma pescaria produtiva. Primeiro arremesso pro meio do lago... toquinhos bem suaves e curtos, uma manivelada, parada, toquinhos... nada... Segundo arremesso, duas manivelas, paradinha, toquinhos... bummmm.... pacu na linha e cronarch trabalhando fricção... primeiro sai pra foto e filmagem... Desta vez fiz uns filmes curtinhos inclusive da soltura. Na próxima quero levar a xtrax pra tentar filmar o arremesso, trabalho e pegada do peixe. Segue abaixo algumas fotos e filmes e também uma cópia da tabela solunar do dia para ilustração. Bem, la pelas 14:00 as ações acabaram, nem um atue, nada... parecia que os peixes tinham ido dormir após o almoço. Coincidencia?? na minha humilde opinião não. No terceiro teste ocorreu a mesma coisa... após o horário proposto na tabela de soluçares os peixes somem. Vou seguir testando e pescando. Seguem uns vídeos: [media] [media] [media] Pessoal, boas pescarias a todos. Sds.
  16. Buenas pessoal. Ontem fiz uma pescaria rápida no sanga funda usando iscas artificiais e usando como referencia a tabela das solunares a qual coloco referencia mais abaixo. Nas solunares para o dia de ontem (quarta-feira) marcava o horário das 11:45 as 13:45 como sendo de alta atividade. Sai de casa meio atrasado e cheguei ao pesqueiro sanga funda as 12:40. Já na chegada minha expectativa aumentou pois vi bastante atividade na superfície do açude o que me indicava que haveria ação. Conjuntinho vara venator 12 lbs, cronarch C14 , linha sufix 18 lbs e atada na ponta do líder vexter 0,42 uma inna 70 cor 39 ou fire tiger. Primeiro arremesso e bummmmm pacu na linha e briga boa com tomadas de linha apesar de não ser dos maiores. O interessante é que foi na caida da isca, nem cheguei a trabalhar a isca e o bicho ja grudou com vontade... maravilha... saiu pra foto. Esta isca inna 70 aqui neste pesqueiro é mortal pros pacus. Na cor 39 (esta da foto abaixo) é a que tenho mais ações. Já tentei outras iscas mas com certeza a inna é muito mais produtiva. Saem na inna 90 também. No segundo arremesso nova ação porém na ferrou, veio atras mais duas vezes e não ferrou.... Terceiro arremesso quase no mesmo lugar e bummmm... pegada firme de pacu na isca artificial e show de bola... tome linha...cabeçadas...espirra água.... saiu pra foto To começando a levar fé nesse negócio das solunares. Testar a eficiencia destas informações foi um dos motivos da minha ida ao pesqueiro neste horário. Pela experiencia deste dia fechou perfeitamente pois a hora que cheguei as 12:40 os peixes estavam com muita atividade na superficie do açude. O mais interessante é que a medida que aproximou o horário as 13:30 as ações diminuiram e após as 14:00 houve mais uma ação as 14:20. Me dei por satisfeito, tinha compromisso, recolhi o material e voltei satisfeito e curioso pela próxima oportunidade de verificar esta tabela e compartilhar aqui com os demais. Nem todos sairam pra foto mas foram vários ataques, alguns escaparam quase no barranco, outros la pelo meio, mas ta valendo... as ações já são bom indicio. Segue mais alguns exemplares que sairam pra foto. São parecidos mas não é o mesmo peixe ok pessoal?? Vejam o estado da inna... sinal que ja rendeu muitas alegrias, os pacus moeram ela. Quase no final da pescaria com as ações ja bem espaçadas entrou um bonito cat fish... outra isca muito boa e parecida com a inna só que é da maruri... isca de nado muito bom, até mais rápido que a inna e que flutua na metade do tempo da inna apesar de ter o mesmo peso. Ainda não consegui evidenciar alguma diferença para pior nesta isca da maruri em relação a inna. Muito boa isca e recomendo até porque ela é um pouco mais barata que a inna 70 e tem as mesmas qualidades de nado, pintura e garatéais reforçadas também. Esta cor da maruri branca rajada de preto é muito produtiva também mas depende muito do sol e claridade da água. Esta logo abaixo isca cor de melancia também é inna 70 cor 31 se não me engano. Muito produtiva também neste pesqueiro porém é mais eficiente quando a água esta meio amarelada, normalmente esta cor de água é encontrada no segundo açude de leste à oeste... parece um pouco mais barrenta a água deste segundo açude e esta cor de isca é bastante produtiva neste açude. E aqui esta o cat fish... diferença é que normalmente aqui o catfish pega a isca mais pra berada do açude e os pacus no meio, mas não é regra. Interessante também é que o cat fish persegue a isca um pouco e podemos sentir uma batidas de leve na isca (acho que o peixe bate com o rabo) neste momento é só reduzir ainda mais o trabalho que o bicho ataca com vontade... o cat fish costuma dar alguns saltos rolados pela superfície... e enrola pela linha as vezes... esse não queria de jeito nenhum se aquietar pra sair na foto... mas saiu. Este peixe saiu logo depois da inna cor 39 ter ido embora... ainda bem que ja tem outra a caminho... um pacu mais bruto (pelas corridas que deu) pelejou bonito correndo bastante nas laterais do açude e acredito que enroscou num toco e foi um pedaço do lider com a isca embora... tudo bem... faz parte do jogo... e a isquinha ja tinha sofrido bastante. Para mim o resultado se mostrou bem satisfatório sobre as solunares pois em pouco mais de uma hora tive muitas ações, tirei vários peixes, outros conseguiram se soltar, enfim... uma festa e fiquei satisfeito com o resultado e isto que perdi quase uma hora do horario proposto pela solunares. Segue abaixo uma foto que tirei da tela do computador com a tabela do dia. Teria outro horario talvez até melhor só que no final da tarde junto ao por do sol e de horario menor em torno uma hora.Outro dado que achei importante é que neste dia o clima estava sinistro, dia abafado em extremo, com promessas de virada de tempo e pressão caindo rapidamente... não era um dia ideal para pescar levando em conta estas referencias... claro... pra pescar todo dia é bom, mas alguns são melhores. Segue abaixo também um link para quem tiver interesse em ler o material e tentar. Esta tabela é a que melhor explica o comportamento dos peixes pois tem hora que ficam ativos e sem mais nem menos somem. Esta oscilação de atividade eu ja havia observado, só não sabia o motivo... talvez seja esta a explicação... além de outras mil e tantas kkkkkk.... vai entender... http://www.tabuademares.com/br/rio-grande-do-sul/porto-do-rio-grande
  17. Manos. Final de semana passado ia ir pescar no Ranchão do Peixe. Fiquei sem carro por motivos de força maior mas a vontade de pescar não me deixou ficar em casa. Fui de busão mesmo, lá pro p&p Pesqueiro Cantareira. Fica dentro do clube da Sabesp e tem ônibus que para na porta, é o Vila Rosa que sai do Terminal Santana (a título de informação pra quem precisar). O dia tava rendendo bem pouco e eu ficando desanimado com as tilapinhas pequenas. Mas é por imperícia nesse pesqueiro mesmo, tinha uns caras pegando umas tilápias monstro, pacus e tambas também. Depois de umas 5 horas de decepção fui trocar ideia com os outros pescadores pra investigar o que estava batendo mais. Era anzol com rolha imitando ração ou então EVA redondo com pó de guabi colado. Fui olhar na minha tralha e não tinha uma mísera cortiça, só umas tirinhas de EVA laranja! A sorte é que tinha colocado um Super Bonder na mala pra necessidades eventuais. """"""""(diga-se de passagem que outro dia fiz um rasgo no dedo com a faca quando estava cortando uma tilapinha pra isca e pra não perder a pescaria segui o conselho de um pescador baiano que estava próximo na hora, ele me deu o Super Bonder e falou: Oxi meu fí, taca no corte e fecha ele. Maaaaaaaaano, ardeu pra carvalho mas o corte fechou na hora e em 5 min já não doía nem ardia mais. Depois de 3 dias já estava cicatrizando e a própria pele expeliu os pedacinhos de cola, curti demais e pesquisei sobre isso depois, é seguro, acreditem)"""""""""" Bom, colei as tirinhas de EVA, cortei em formato de meia bola e colei o pó de Guabi. Aproveitei pra dar uma disfarçada no brilho do anzol, ficou assim: Aí no segundo arremesso ele me rendeu esse lindo pacu que demorou uns 20 min pra tirar da água. Tava com equipo ultha-light e um p***** medo de quebrar a vara rsrsrs: Depois dele tirei mais 5 tilapossauros entre 4 e 5 kg!!! Sem cevadeira, só boia de arremesso e anzol com o EVA com pó de Guabi. Só não deu pra tirar foto porque começou uma chuva do caramba e não quis arriscar tirar o celular do bolso da capa de chuva e acabar molhando. Aprendi duas coisas: 1- Cada pesqueiro tem suas manhas e você precisa ter a humildade de trocar ideia com pescadores mais habituados ao local. 2- Pegar busão pra voltar pra casa com a mochila de tralha, metade da calça e os tênis encharcados e exalando um suave aroma de peixe/ração molhada incomoda senhoras de mau humor, que te mandam se afastar e ficar de pé nos degraus da escada. Abraço a todos.
  18. Férias e muita pescaria Fala meus amigos pescadores do meu brasil branil, neste periodo de 20-12-2015 a 04-01-2015 estive de ferias coletivas e nao viajei e imagina o que mais fiz durante este tempo...rsrsrs, pesquei e pesquei, como aqui esta no periodo de defeso e gosto muito muito de pescar, fui pros pesque e pagues da vida. Eu e minha Traia de Flyfshing, minha companheira agora. confira as fotos elas dizem tudo... grande abraço a todos e um belo 2016 a todos de pescaria.
  19. Boa Noite, sou novo no fórum Preciso de ajuda. Seguinte, o vô da minha namorada tem um açude no sítio dele. Ele cuidava do açude mas veio a adoecer com 87 e morreu esse ano, com 93. Nesse tempo, o açude ficou entregue. Todo sujo, com um pinheiro tombado dentro. Sempre vi esse açude, mas não sabia se tinha peixe.Há 1 mês mais ou menos, joguei uns pedaços de pão para testar e vi que tem Pacus bem grandes, eles subiram na flor d'água para comer, bem perto do pinheiro caído, mas o açude também está perdido de lambaris. Usando o pão como isca, eu fisguei um pacu, mas ele acabou estourando a linha e fugido(devia ter uns 5kg), a partir daí, não apareceu mais nenhum no pão. Melhorei o equipamento e passei a tentar pescar lá aos finais de semana, mas nenhuma isca funciona, os lambaris não deixam as iscas em paz. Eu já fiz algumas fritadas de lambaris de lá e enjoei. Testei massa sabor goiaba, o próprio lambari, fruta (manga, amora), na beirada do açude tem jabuticabeira, mas não é época, então não da pra usar. Hoje eu consegui fisgar uma tilapia de mais ou menos 1,5kg com ração de milho, aquela em formato de rosquinha, mas foi o único peixe "grande" que fisguei e tirei da água. Hoje também tive uma puxada que levou linha e tudo (0.33). Meu sogro limpou o açude, removeu o pinheiro e os Pacus sumiram. Pretendo soltar umas 10 trairas no açude, mas não sei quando ainda. Qual a melhor forma de pescar lá a curto prazo, me dêem dicas por favor. Abraços (desculpe o texto gigante).
  20. Buenas pessoal. Relato de mais uma fugida no pesqueiro sanga funda em nova santa rita, RS no dia 23/11/2015. Na parte da manhã o dia estava ótimo, sol, sem vento, poucas nuvens. Segunda feira e eu de folga. Logo depois do almoço arrumei as tralhas e me desloquei ao pesqueiro. Já no caminho notei um aumento na velocidade do vento e quando cheguei ja estava bem intenso mas ainda tinha sol. Caniço MS venator 12 lbs ee cronarch C14 armadas com inna 70 cinza clara... segundo arremesso em direção ao meio do lago e puummmmm, pela pegada forte e firme só podia ser pacu. Saiu o primeiro. Foto ainda dentro da água e mais uma fora. O vento foi aumentando e as ações diminuindo. Fui deslocando pelas laterais do lago para obter mais algumas capturas mas quanto mais vento mais complicado estava. Troquei de lago e a cor da água estava mais amarelada... troquei pela inna 70 melancia... segundo arremesso e percebi um ataque...sem fisgar...mais um arremesso no mesmo lugar e puuummmm... pegada violenta e tomada de linha grande...peixe grande...o bicho foi pra lateral do açude, linha de multi pelo meio dos galhos que estavam sobre a água...fricção ajustada...e o peixe mantinha a pressão direto porém sem cabeçadas... de repente... cortou o líder junto ao snap... e la se foi a isca junto com o peixe que prometia ser grande...como sempre, o maior não sai pra foto. No final da tarde troquei pras trairas com grub´s. Duas sairam rapidinho pra foto...final de tarde, ficando frio, vento muito forte...recolhi as tralhas e vamos embora tomar um chimarrão em casa. O primeiro do dia... duas fotos, uma dentro da água e outra fora. Mais um com duas fotos. Este com arremesso bem contra o vento, cronarch C14 mandando bem, sem cabeleiras e com direito a duas fotos. Rodando na lateral do lago vai aumentando a conta de capturas... Mais um pra foto... Outro... Hora das trairas, acredito que esta é a menor que capturei até hoje, mas briguenta como só... Outra maiorzinha... Isso ai pessoal. Vale a pena tentar artificiais nos pesqueiros. Pros pacus as inna 70 e 90 são ótimas, os catfish também atacam bem nas inna. Trabalho bem lento com toques de ponta curtos e paradinha, normalmente o ataque é na paradinha. Buenas pessoal. Editei para inserir uma foto com a isca inna cor melancia....kkkkk. E de catfish mas mostra a eficiência das innas no pesqueiro.
  21. Caros amigos. Moro em Poços de Caldas e pesco muito na região da represa da Graminha (Represa de Caconde) pois tenho um rancho perto da cachoeira do Lafaiete e fiquei curioso pois esses dias ouvi dizer que estavam pescando Dourados na região do Rio Pardo que deságua nesta represa, (Região de Bandeira do Sul e Palmeiral se não me engano) sei que na região de São José do Rio Pardo (como vi em outro fórum) para baixo já ouvi dizer sobre captura deste peixe e outros que também não sei se é verdade como o pintado, então gostaria de saber se alguém já pescou dourado e ou pintado no Rio Pardo acima da represa? E outra pergunta desde a soltura dos Pacús na região da represa raramente ouvi falar sobre a pesca de um exemplar grande, gostaria de saber se ele se reproduz na represa e se pode ser encontrado na região do rio? e se os Tucunarés também podem ser encontrados no Rio, já que geralmente ouvi-se falar somente das tabaranas no rio. Obrigado.
  22. pessoal, recentemente comprei um molinete marine sports tiga 400 (em breve coloco minhas impressões sobre ele já que a internet não há nenhuma análise profunda) eu o comprei para um pescaria de tilápias, lambaris, e pacus de médio porte no ultra-light (pacus de até 7 kg e tilápias de até 4 kg) em breve vou usá-lo para pescar tucunaré, os lagos em que pesco não são grandes, na verdade são minúsculos, de uns 10 a 15 metros de uma margem à outra, levando em consideração que as tilápias ficam nas margens, não vou precisar de varas extremamente longas, mas tenho um problema, não sei que vara escolher, quero uma que tenha um preço até 100 reais e que seja de qualidade, me recomendaram sensor e jimmy, mas acho elas muito parrudas, feias, quero algo mais discreto e sensível, a libragem fica por conta de entre 2 a até no máximo 15 lbs
  23. Fala galera! Estava com um problema em minha conta e não estava conseguindo criar novos tópicos. Mas já foi tudo resolvido! Essas são algumas fotos das minhas últimas pescarias lá no Pesqueiro Abux, Na Mogi-Bertioga. Pesqueiro muito tranquilo, com uma quantidade de peixes e mosqueiros! A maioria dos peixes foram pegados no Fly, usando rações de cortiça e também fisguei alguns na boia com varinha 12 lbs e ração na pinga, que também é uma pescaria muito gostosa de se fazer com as tilápias! Segue as fotos dos peixes: Material ultilizado: - Conjunto de Fly N° #6 -Vara Albatroz Althezza 12 Lbs -Carretilha Marine Sports Venator -Linha multifilamento 0,19 mm. -Bóia de arremesso. Espero que gostem, valeu!
  24. Pescaria solitária de barranco um bom momento pra pensar na vida e fisgar uns peixinhos valentes. Nesse dia eu estava atrás dos lambaris mas, rio á cima um bando de macaco prego atravessava o rio e alguns galhos podres e repletos de cupim caíram na água criando um cenário lindo onde os pacus rebojavam a superfície comendo os cupins, ai tive a ideia de colocar uma boia na linha e arremessar a linha sem chumbada pescando na rodada, foi fatal fisguei dois peixes.
  25. Fala pessoal beleza gostaria de saber como fazer uma ceva para esses peixes . Frutas são boas para sevar e como fazer porque as frutas boiam e por causa do vento vão embora obrigado.
×
×
  • Criar Novo...