Pesquisar na Comunidade

Showing results for tags 'pesque pague'.



More search options

  • Search By Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Search By Author

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Pesca
    • Bate Papo (novo)
    • Pesca em Geral
    • Relatos de Pescarias
    • Materiais e Equipamentos para Pesca
    • Trabalhos Manuais / Bricolagem
    • Avaliações,Testes e Lançamentos
    • Água Salgada
    • Pesca de Praia
    • Caiaque
    • Pesque & Pague
    • Espécies
    • Flyfishing
    • Legislação
  • Parceiros
    • Pousada Rio Suiá-Miçu
    • Bahia Sportfishing
  • Regionais
    • Pesca em Santa Catarina
  • Diversos
    • Termos e Regras
    • Dúvidas, Críticas, Dicas, Opiniões e Sugestões sobre o Pescaki
    • Café Pescaki
    • Ecologia e Ambientalismo, Ictiologia, Zoologia, Aquarismo, Botânica, etc.
    • Agenda Pescaki
    • Fotografia
    • Náutica e Técnicas de Navegação
    • Carabinas de Ar Comprimido
    • Classificados
    • "Causos" de Pescarias e Outros Textos
    • Gastronomia
    • Tecnologia

Find results in...

Find results that contain...


Data de Criação

  • Início

    End


Data de Atualização

  • Início

    End


Filter by number of...

Data de Registro

  • Início

    End


Grupo


MSN


Skype


Website URL


Localização


UF


Interesses Pessoais


Nome Real


Sobrenome


Estilo de Pesca

Encontrado 14 registros

  1. Alguém aí frequenta esse pesqueiro? Quero saber se ainda funciona. E se alguém tiver alguma dica de pesque pague ou pesque e solte aqui no Rio de Janeiro eu agradeço.
  2. Olá família! Venho aqui compartilhar a alegria cada vez mais constante em capturar esse que talvez seja a maior paixão dos pescadores esportivos na água doce, dos quais eu me tornei um e em 99% por responsabilidade desta casa...por isso compartilho aqui e, ainda que não tão constante, nunca esqueço do quanto o fórum me acrescentou em matéria de conhecimento até hoje (não que conheça muito..rsss, mas o suficiente a pra influenciar outros amigos à essa prática que tanto amamos). Ontem experimentei a sensação única de presenciar um tucunaré louco atacar um stick de forma tão voraz que chegou a saltar fora da água rodopiando no alto com a isca na boca... confesso quase infartei.... e é isso aí... seguem as fotos.... ops.. um fora de padrão..rss
  3. Boa tarde pessoal! Já faz um tempo que visito o fórum e hoje criei coragem e resolvi me cadastrar! Ainda estou meio perdido e para começar a me enturmar resolvi postar essa foto! Trata-se de uma bela tilápia que tive o prazer de pegar na terça de carnaval (dia 9) no Pesqueiro Primavera aqui mesmo em São Roque, esse pesqueiro foi um dos pioneiros na região e no seu auge foi matéria de revistas de pesca e afins. Infelizmente o local fechou e ficou uns bons anos sem abrir para o público. Mais ou menos em Dezembro de 2015 o proprietário resolveu reabrir. Hoje comparado com pesqueiros mais estruturados o Primavera tem muito o que melhorar (ou não). A surpresa fica pelo tamanho dos peixes que estão sendo fisgados! Muitos ACIMA DE 10kg, no próximo sábado estarei lá no fim da tarde e posto aqui se algo interessante acontecer!
  4. Bom dia. Atualmente moro em Florianópolis e pesco exclusivamente com iscas artificiais (opção por esportividade). Sou de SP e pesquei muitos anos em pesqueiros, sempre de fundo (tambas e peixes de couro) ou na salsicha flutuante. Não gosto das cevadeiras por questões pessoais. Dia 18 estou indo passar a semana em SP e quero escapar pelo menos um dia da familia para relembrar os tempos de pesqueiro. Sabem me informar se existe algum pesqueiro bom que aceita usar isca artificial? Se for necessário posso trocar as garatéias por anzol sem farpa. Usaria tanto plugs, como isca soft para tentar uma matrinchã, dourado... E quem sabe até usar jig pequeno para os peixes de couro. Obrigado
  5. Ola amigos, boa noite! Estou querendo comprar uma carretilha perfil alto para pesca de Pirarara em pesqueiros, por exemplo castelinho. Até no valor por volta dos 400 reais. Qual vocês recomendariam? Obrigado! Abraços.
  6. Olá, pessoal! Sou novo por aqui, mas tenho algo em comum com vários pescadores, sou apaixonado pela pesca com iscas artificiais. Acho muito interessante pois o que manda muito neste tipo de pesca é a técnica, dessa forma o torna um verdadeiro esporte. Nada contra quem gosta da pesca de "espera", mas acredito que nesse tipo de pescaria o que manda mais é a sorte do pescador. Estou rodeando aqui, mas já chego no ponto e vocês irão entender o motivo do tópico. Sou da cidade de Goiânia, e tenho um problema que acredito que vários irão se identificar comigo, a dificuldade em fazer uma pescaria e com isso a "técnica" que é tão importante é perdida (não toda, porém parcialmente) e muito menos é aprimorada como deveria, assim como deve ser aprimorada pra todos que praticam algum tipo de esporte. Essa dificuldade em fazer uma boa pescaria se deve primeiro pela distância dos bons pontos de pesca (Serra da Mesa, Cristalino, etc.), tempo, pois pra compensar essa distância da viagem o interessante é passar vários dias, gosto de ao menos 4 dias (contando a viagem de dia e volta) e logicamente o "investimento financeiro" (rs...). Ahhhhhh... Tem um fator também que dificulta as vezes, a liberação da patroa em passar 4 dias fora de casa, nem sempre a beira de rio/lago é atrativo para as esposas e crianças pequenas. Resumindo, é difícil ir pescar, normalmente eu faço 2 boas pescarias ao ano, o que acho muito pouco. O que me deixa chateado é que é um esporte gostoso de se praticar, saudável alem das inúmeras qualidade que eu poderia citar aqui. Pra eu, mero mortal, é difícil ir pescar na frequência que gostaria. Já busquei pesque pagues na região para tentar "saciar" essa vontade de pescar, porém em todos os que frequentei, apesar de ótimas estruturas (restaurante, atendimento, etc) se resume em pesca de peixes redondos, até bem criados de 7kg por exemplo, mas é aquela pesca com cevadeira, pra quem gosta de da bater isca artificial, isso é um saco, me desculpem a expressão! A maioria desses pesque pagues dizem que tem tucunarés, até tem, mas pesca-los é quase impossível, sem contar que em muitos lugares é proibido a pesca com isca artificiais (garatéia). Agora chegamos onde eu queria: O que vocês pescadores esportivos achariam de ter em sua região mesmo que um pouco afastado, cerca 50km, um pesque pague para prática da pesca com iscas artificiais onde teriam o prazer de treinar arremessos como também teriam o prazer de ver o "bicho" atacar na superfície!? Imagino um açude de tamanho razoável com estruturas (assim como temos nos rios e lagos, galhos, troncos, etc) no centro para o pescador rodear andando todo a extensão do açude arremessando ao centro, atrelado a isso uma boa estrutura com restaurante e até mesmo um local de lazer para crianças e esposas. O que vocês acham? Você tem algo parecido na sua região? Dêem suas opiniões e seus pontos de vista! Obs: Decidi postar aqui nesse sub-tema "Tucunaré", pois acredito que irei atingir o leitor que irá se identificar mais com o assunto abordado aqui. Grande abraço a todos!
  7. Olá pessoal, semana que vem eu irei passar em Indaiatuba, interior de SP, eu queria saber sobre os pesqueiros de lá, fiquei sabendo que há uns muito bons, mas sei la me dêm dicas de pesqueiros e iscas. Fale um pouco tb sobre o pesqueiro Santo Agostinho.
  8. Ola... Desde criança, graças a meu pai, aprendi a gostar de pescar. Até pouco tempo minhas pescarias se resumiam a córregos, ribeiróes e pequenos rios; assim peixes como lambari, cará, traíra, piaus, pequenos bagres e tilápias sempre fizeram parte das minhas pescarias, capturando exemplares de no máximo uns 40 cm. Sempre tive curiosidade em conhecer Pesque pague, porém a idéia de pagar por cada peixe fisgado não me agradava, a brincadeira poderia ficar cara. Em Abril desse ano um primo meu convidou eu e minha esposa para irmos a um Clube de Pesca aqui em Goiânia, com a modalidade de Pesca Esportiva. Fui e logo na primeira vez conseguimos pegar alguns Tambas entre 4 e 7 Kg; não deu outra, tanto eu como minha esposa nos apaixonamos por essa modalidade. De la para cá, compramos a tralha de pesca e já realizamos outras pescarias em Clubes de Pesca da região. Chega de história, vamos lá. Descobri por um vídeo no Youtube o Pesque e Pague Clube do Sítio em Morrinho - GO, parecia ter uma estrutura boa, com opções de Chalés, e é relativamente próximo a Goiânia (120 Km). Mostrei aos amigos de pesca, e marcamos para os dias 26 e 27 de Julho para passarmos o Fim de semana no local. Chegando o dia o tempo mudou bastante, incrivelmente em pleno Julho, o dia amanheceu com um pouco de chuva e aquele friozinho incomodo. Porém, seguimos em frente, mesmo com a possibilidade da pescaria ser frustante, ja estava valendo a companhia de amigos no fim de semana. Chegamos próximo ao horário de almoço, a chuva parou e ficou aquele friozinho e tempo nublado durante o restante do dia. Tralha arrumada, e descemos rumo ao lago, e antes disso passamos no restaurante para pedir o almoço, demoraria uns 15 minutos. Optei por começar com boia cevadeira, para sentir se os peixes subiriam na ceva; primeiro arremesso e imediatamente começa a bater alguns peixes na ceva, logo a boia afunda e ja consigo fisgar o primeiro peixe para foto. Bem pequeno é verdade, mas brigador Segundo arremesso e rapidamente a boia afunda, esse porém um pouco mais valente, tomando até um pouquinho de linha... Saiu o pequeno tambaqui para a foto.. A seguir mais 2 pequenos Pacus Deu o horário do almoço e foram 4 arremessos e 4 peixes. Apesar de pequenos, fiquei satisfeito, pois sabia que apesar do clima ruim, teríamos ações. Meus amigos pescando de fundo com mortadela, pegaram os seus também (Não queria segurar o peixe)rsrsrs.. Apesar de pequenos segurávamos quase todos próximos ao chão por pularem demais quando saiam da água. Além desse outro colega meu pegou mais um Pacu na artificial (tentava Tucunarés, Matrinxãs e Dourados do lago), faltou a foto. Após um delicioso almoço seguimos novamente para o lago. Quase todos trocaram o material de fundo por boias cevadeiras e o resultado foi peixe o dia todo, pequenos porém valentes e ótimos de pegar. Piscadinha para a foto.... Minha esposa também pescou inúmeros peixes... E no fim do dia meu pequeno troféu, uma briguenta Matrinxã saiu para a foto, pulou bonito... Nunca havia pego uma dessa, gostei demais... Foram muitos, mais muitos peixes durante essa tarde, tiramos fotos só de alguns, pois ninguém queria ficar encarregado de tirar fotos. Rsrsrsr... A noite um churrasquinho... E logo ao amanhecer, eu, minha esposa e um dos nossos amigos levantamos para começar a pescar. Tempo bem nublado e um pouco frio como no dia anterior, porém, pouco após começarmos a pescaria, a chuva caiu bem pesada (Puxa, parecia Dezembro) e assim continuou até um pouco depois do almoço, apenas diminuindo ou parando um pouco no período da tarde. Trajes de pesca para o segundo dia... Chuva... e chuva.... As ações dos peixes não pararam, diminuiu um pouco em relação ao dia anterior, mas mesmo assim saíram muitos peixes... Tiramos só umas 2 fotos nesse dia, mas foi muito bom também.. Creio que no final de tudo, só eu e minha esposa devemos ter pescado de 80 a 100 peixes, quase todos na cevadeira. A grande dos peixes na faixa de 1Kg, e alguns outros de 2 a 3 Kg. Pelo frio e chuva dos dias, chegamos com poucas expectativas, porém saímos muito felizes por não termos desistido da viagem. Quem sabe no verão voltamos lá e conseguimos pegar algum grande exemplar de Tambaqui ou Pintado que o proprietário garante que existem no local. Lugar agradável, atendimento hospitaleiro, boa comida, muitos peixes e companhia da esposa e amigos... Foi um fantástico fim de semana...
  9. Tambaqui dançando na grama: Há dez anos atrás disseram que haviam acabado com os bagres africanos no pesqueiro quintal de casa. Esse apareceu sexta e eu nunca tinha visto um todo esse tempo: Aquele momento que você fisga de cá e o vizinho fisga de lá e nenhum dos dois sabe quem tá com o peixe, aí:
  10. Venelli

    Tilapia no frio

    ola pessoal gostaria de saber como pegar tilapia no frio estive no pescando este final de semana muito frio peixe nada varias isca e linhas de fundo com boia etc manda uma dica ....... valeu
  11. Bom, estive em férias por 10 dias e voltei hoje a trabalhar. Pesquei muito nestes dias e vou sentir muita falta de pescar durante a semana, pois fica muito tranquilo os pesqueiros (praticamente sozinho ou com mais 1 pessoa, rsrsrsrs). Não me lembro das datas, mas me lembro de qual pesqueiro peguei cada peixe, então seguem as fotos das minhas férias. Minha primeira vez no Monte Negro e uma tilápia monstra: Esse redondinho no Ichiban, onde fui muito bem recebido e atendido: Esses 2 foram outro dia no Monte Negro com meu tio me ensinando a pescar com cabeça de tilápia na beirada, reparem que a pirarara só veio de noite quando ja tavam fechando o pesqueiro: Resolvi voltar lá nesta segunda-feira que passou dessa vez com meu irmão (primeira vez dele lá), as fotos falam por si só: era a primeira vez dele lá eu achando que ia sair sapateiro, mas veio meu presente também, rsrsrrsrs: Foi isso, férias mais do que bem aproveitadas, considerando a época que estamos.
  12. Sem muito o que fazer, fomos eu e minha girlfriend no pesqueiro Taguatinga, localizado precisamente a 2 olhadelas de rabo de olho de casa. Muito sol, muita chuva e ainda por cima... ... Enfim,eu esqueci o que ia falar. Esse foi o primeiro maior. Foto tirada para parecer que o pescador é menor que o peixe. Solzão e de volta pra água: Calma!!! Pronto: Técnica fotográfica: Pescador a uns 3 metros de distância do peixe. Peixe apoiado num suporte. Primeira pirarara: Pra água... Outra né: Cabeça dura... Aí está um belo exemplar de dedo: Minha bóia torpedo afundou, corri, fisguei, to brigando. Depois a outra vara também pega um peixe. Eu e a Deyse brigando. Dublê, pensei eu. O que vem a seguir você acredita se quiser: E olha o tamanho da fera: Pacuzinho, digo, tambinha de M----!!!!! Depois, outra pira. Ela feliz, já tá especialista, sabe até a técnica correta para segurar o peixão: Não! Pelo amor de Deus!!! Ufa! Não soltou. Susto. Reparem o estilo, a pose, a tremedeira, o nariz escorrendo: ... O tamba colidindo com o barranco. Mas a cevadeira voando pra cima da câmera ficou show. Pra quem conhece, reparem na New Pampo 2,70 que tive de trocar o cabo e coloquei esse de cortiça menor. Agora pode deixar no suporte. Ele veio: Ajoelhado assim é ridículo, mas lá não pode tirar os tambas pra fora da água. Depois olha a cara de medo. O boca torta levou uma cabeçada do tamba, saiu tremendo e foi comer um pastel pra disfarçar, o pastel. Esse peixe é chamado patinga: E a deyse nas piras né: Mas eu também pego as minhas bitelas: That's all folks! Iscas: Pirarara: Guelrra. Tambas: pão, miçanga vermelha tunada, caroço de azeitona na superfície e palminho. Equipamento: Lamar 4.4, 2012, com câmbio seco, freio gasto, alguns amassados, bermuda rasgada e dor nas costas. Abraços.
  13. Pessoal conforme prometido segue relato, antes da ida ao pesqueiro pedi novas dicas aqui: Como sempre o pessoal foi muito solicito, deram varias novas dicas e até mesmo a montar a vara foi explicado, obrigado a todos de coração. Vamos ao relato em questão, chegamos no Taquari as 17:30 do sábado, o pesqueiro estava muito cheio, e uma coisa me chamou a atenção, a quantidade de ceva na superfície, tinha bastante ração mesmo na superfície isso não foi um bom sinal, minha teoria e possivelmente estarei errado, é que muita ceva na superfície é sinal de peixes sem fome, pois se estão com fome não deixam sobrar comida, e se estão sem fome estão manhosos, escolhendo a dedo a isca. Esperamos acabar a pesca diurna para escolher nossos locais, e para minha surpresa não havia nada livre do lado mais fundo até a altura do restaurante, nada mesmo, o pessoal desses locais iam ficar para a pousada e ai acabamos ficando no quiosque a esquerda do restaurante mais ou menos no meio do lago. Preparamos as varas e bora jogar as iscas, estávamos em 3 pescadores e 6 varas, armamos as 3 varas inicias de fundo (e no final todas virariam de fundo) e 2 varas de cevadeira e 1 foguetinho, estávamos com bastantes tipo de iscas e nada, não batia nada, e não era exclusividade nossa, não estava batendo para quase ninguém, usamos lesmas, minhocuçu (que da outra vês era a isca do dia) coração, xixa, ração na pinga, pão de queijo (acabei levando), e nada, tínhamos ações somente com coração de fundo, ficamos lutando até as 24:00 e nada, pensei, que triste... ;-( Ai entrou um tampa na minha vara de fundo com coração, briga gostosa, o bicho não era grande uns 7-8 kilos no máximo, esse ficou sem foto pois meu pai tirou com o celular dele sem flash estou tentando melhorar a qualidade da imagem e vou postar aqui a foto do danado.. Fui para o chale feliz e triste, feliz por ter pego um tampa quase batendo meu recorde de tamanho e triste pois meu pai e meu sobrinho não pegaram nada, ai lembrei da latinha de beijinho pronto da Nestle que tinha na minha bolsa e do leite em pó que também havia pego, pensei, pior que está não pode ficar, vou fazer o beijinho dessa forma e seja o que deus quiser... Abri a lata de beijinho peguei um pote de sorvete que sempre levo para fazer as masas e pensei "não tenho colher vai com a mão mesmo", meti a mão na latinha tirei todo o beijinho e fui adicionando leite em pó e sovando com a mão, até dar o ponto (não grudar mais na mão). Fiz as bolinhas coloquei na geladeira e fui cochilar. Acordei as 5:45 e fui para o lago, apresentei ao meu pai as bolinhas do beijinho e ai nossa pescaria mudou, tínhamos bastante ações, mas sempre de fundo nada de superfície ou meia água só de fundo mesmo e os peixes estavam bem manhosos, mas tivemos varias ações, meu pai engatou um belo peixe: Como sempre o meu sobrinho que segura o peixe e sai para a foto, meu pai como eu não gosta de segurar os danados... Mas ações e peixes roubando as iscas e escapando, ai entrou um grande: Esse pesou quase 16 kilos, meu api estava feliz, eu e meu sobrinho queiramos mais, os peixes roubavam as iscas (só beijinho) e ficávamos na mão... Nisso meu pai resolveu trocas das varas deles os anzois e colocou circle hook e foi dormir, tivemos muitos peixes fisgados mas os danados vinham ate próximo a margem e escapavam, foram uns 4 ou 5 peixes assim, briga e escapavam, já na parte da tarde as 16:00-17:00 no final entrou meu recorde pessoal, entrou na minha vara sensor com carretilha direita e chicote de 2 metros, como a vara estava com linha mono 0,33 para 11 kilos, não podia forçar muito a fricção da carretilha e a briga foi feia, uns 30 minutos para tirar o peixe da água, embaixo de um sol de queimar asfalto, sofri, mas ele saiu: Olha a cara de feliz do meu sobrinho tomando sopapos do peixe no rosto e no peito isso porque o bixo demorou quase 30 minutos na água, esse pesou quase 18 kilos, meu recorde... :comemorando: :comemorando: Só meu sobrinho não havia pego nada, já desarmando as varas entra um grande na minha vara e deixo para meu sobrinho tirar, depois de uns 20 minutos de briga já com ele perto da borda o bicho escapou, deu para ver a corcova dele, era grande, bem grande, mas escapou...Uma pena. Foi isso pessoal uma pescaria com peixes bem manhosos, mas muito mesmo, depois o dono do pesqueiro (eu acho que é o dono) me explicou que os peixes estavam estressados e com muita comida mesmo no lago devido ao feriado de carnaval o pesqueiro não fechou na terça como é costume e ai os peixes estavam desdo dia 05 sem descanso e com muita gente pescando, cevando, jogando iscas no lago, essas coisas, e que estavam mesmo bem manhosos... Abraços e obrigado novamente a todos. Jean Romão
  14. Pessoal depois da visita ao Taquari como pode ser visto aqui: http://www.Pescaki.c...-ou-quase-isso/, estaremos de volta nesse final de semana, meu velho Pai está vindo para Sampa e pediu para reservar o domingo para pescar com ele num bom local, atacaremos de Taquari novamente, vamos eu, meu parceiro de todas as pescas (meu sobrinho Igor) e meu Pai, o velho está mais acostumado a pescar, foi varias vezes no córrego das antas, e tem talhas melhores que as minhas, a minha eu dei um UP nas varas, e mudei as linhas, sai de multifilamento e coloquei monofilamento, sei que muitos vão ver essa mudança como ruim, mas para acertar o meio do lago me falaram que a mono boas são melhores, então vamos com elas... Sobre os equipamentos estamos um pouco melhores dessa vez, ao menos eu acho...*rs Meus Conjuntos: Vara Sumax Kenzaki Ligth 2,70 + Carretilha MS Contender Gto Tournament Big Game (esquerda) - LInha Mono 0,33mm - Pesca com Boia Torpedo com chicote de 2,50 regulando com boia cagueta a altura Vara MS Tornado 2,70 (a confirmar a chegada) + Carretilha MS Contender Gto Tornament (direita) - Linha Mono 0,33mm - Pesca com Boia Cevadeira com chicote de 2,50 metros tb com regulagem. Vara New Select ST 1802 - 30-60 libras + Molinete Daiwa Regal 4000 XIA + Linha Multi Vexter 30 libras - pesca de fundo de espera. PS. Sim eu comprei uma carretilha de cada lado para ser pescador ambi-destro tipo o Neymar das carretilhas... :comemorando: Na verdade era para ver com qual me acostumo melhor e vou vender a outra e comprar do mesmo lado... Conjuntos Igor (ele não troca as multi por nada): Vara Sumax Kenzaki Ligth 2,70mts + Carretilha Daiwa Laguna - Linha Multi 30 libras - Pesca com Boia Torpedo com chicote de 2,50 regulando com boia cagueta a altura Vara MS Tornado 2,70 (a confirmar a chegada) + Carretilha MS Brisa 10000 Linha multi 30 libras - Pesca com Boia Cevadeira com chicote de 2,50 metros tb com regulagem. Vara MS Evolution 1,63mts + Molinete Quantum Optix 30 + Linha Multi Vexter 30 libras - pesca de fundo de espera. Conjuntos Pai: Não sei o que ele vai trazer de São Jose do Rio Preto, mas se não vier com as tralhas dele vai ficar sem pescar auhahuahuahuauha As varas Tornado estou esperando a confirmação da entrega, se não entregarem ai vamos mudar para as velhas MS Sensor de 1,83Mts que vamos ter que se matar para lançar no meio do lago, ai deixamos as Kenzaki para as boias cevadeiras e os torpedos para as Sensor, mas estou contando com as tornado...*rs Vamos levas as iscas matadoras para o Taquari: Lesmas Minhocuçu Beijinho Xixa Ração na pinga. E isso pessoal, será a 4 vez que vou ao Taquiri, a segunda esse ano, da outra vez o tópico me ajudou demais, dessa vez queria saber a opinião da galera quanto aos conjuntos se devo mudar alguma coisa, dentro da possibilidade é claro, comprar mais varas e carretilhas está fora de questão :smiley-angry007: OS anzóis vamos levar o Super Maruzeigo, Chinu e Wid Gap, todos os tipos de miçangas que tenho, Eva's essas coisas da ultima vez pegamos 7 peixes em 2 pescadores com as dicas da galera, estamos evoluindo, mas tem um "grande" lá com meu nome da ultima vez ele abriu meu Wid Gap, dessa vez ele não me escapa. Abraços e obrigado novamente pela força e torcida, quem sabe dessa vez eu tiro o grandão do lago? Jean Romão

Parceiros: www.petsEXPERT.pt