Entre para seguir isso  
Guilherme Miranda

Predadores do lago

Recommended Posts

Pessoal construí um lago recentemente e nele investi com diferentes especies de peixe, porém há alguns "intrusos" que estão gostando dos novos habitantes,rs como as garças, os "Socôs", martin pescador e outras aves.... Como faço para impedir que eles acabem com meus peixes?, ou é natural e segue a cadeia alimentar? abraços

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não há muito que possa fazer legalmente. A lei brasileira proíbe molestar a fauna nativa. Pode experimentar espantalhos, mas com o tempo os animais acabam se acostumando com eles. Porém, a não ser que seu lago tenha se tornado o fast food preferencial da área, com bicho com prato na mão fazendo fila, esses animais acabam pegando apenas a parte deles mesmo, contribuindo para a seleção natural e saúde das águas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Maurício, pode ate ser, mas como na natureza a comida está escassa, os aniamais unem o util ao agradável. Deixar uma criação de peixes sem proteção é ficar sem peixes em pouco tempo. Ja passei por isso, e sei quanto custou ao meu bolso. Mas certamente o autor do tópico não deve ter observado ainda que o maior consumidor de peixes em cativeiro é a lontra. Animal sutil que come e não deixa sinais muito claros da sua presença. So com muita experiencia é que podemos detectar a presença dos mesmos. Para lontras ´so uma cerca de tela de dois metros de altura com eletrificação em cima. Usa´se aqueles aparelhos para cercar gado. Aprovado pelo IBAMA.para passaros, coloca-se fios de arame cerca de 20 centimetros uma da outra esticada em cima do lago cerca de 50 cm de altura. Mas tudo isso demanda investimento alto. Agora se o lago for muito grande, cerca de 30 a 40 mil m² ai é inviavel. Mas sendo grande os predadores não dão conta e é preciso colocar especies que se reproduzem muito como lambaris e outros. Mas o nosso amigo está com um problemão, infelizmente.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Todo lago, lagoa, etc... tem a presença desses animais e aves. E nunca ouvi dizer que eles acabam com os preixes. Agora se a criação é comercial, tem que criar em tanques fechado... Ou falei besteira! Eheheh

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Guest Normando

Geralmente onde há lago existem as aves. Além de peixes se alimentam também de insetos, girinos e outros habitantes da água. Geralmente não são muito vorazes e não frequentam em bando,atuam isolados ou quando muito o casal. Garça e Socó pegam aqueles mais frágeis ou os que dão bobeira, Martim Pescador já faz o ataque direto e raramente erra o alvo. Um dos mais atrevidos é o Ben - te-vi que costuma pegar alguns peixes acima de sua capacidade de engolir.

De qualquer maneira são mais problemas na fase de alevinos. Das espécies de peixes, a que nós temos observado mais vulnerável, é a tilápia vermelha(St Peter's), além de se destacar no ambiente por causa da cor as ditas cujas tem o hábito de formar cardumes na flor dágua.

Geralmente as perdas por predação de pássaros não são significativas, estando dentro das perdas dimensionadas no lote. No caso de desequilíbrio sério, onde a presença de pássaros se torna ameaça, a solução pode ser o uso de pequenos tanques rede (que nós chamamos de berçário) onde os alevinos ficam até atingir em torno de 10 cm já ficando mais difíceis de serem capturados.

No geral, pássaros dificilmente representam uma ameaça.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olha minha família tem um lago a uns 80 a 90 anos, aprendi a pescar de varinha de bambu lá, bons tempos, muitos tucunas, tilápias, etc rs...bom o que importa e que se os peixes, larvas e juvenis, tem onde se esconder vão sobreviver a grande maioria, observo que em lagos com vegetação na lateral do tanque, angola ou outro tipo denso que flutue na lateral, isso é mais significativo pois tem onde os alevinos jovens se esconderem e consequentemente a garça que pesca nas margens mas não o consegue fazer com mais de 50 cm de água não irã pegá-los, fora isso acho difícil de ficar sem perder exemplares jovens. A menos que o tanque sege pequeno como os de camarão e peixes ornamentais que já vi gente tapando com sombrite. Mas mesmo assim ainda nunca se está livre dos predadores, o maior predador de peixes jovens em algumas regiões é a larva da libélula que é um predador voráz e insaciável até emergir da água e virar aquele bichinho bunitinho que quando posa na vara agente acha que traz sorte rs....abraço...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi Guilherme!

Vc tem toda razão em ficar preocupado com os seus "sócios de asas", não os subestime pq "a garça fica na beirada, o socó só vai pegar os fracos..." e por aí vai... Eles trazem grandes prejuízos em pisciculturas e até agora a única coisa que vi funcionar para mantê-los afastados são as telas anti-pássaros (o tamanho da malha segue alguns padrões, mas o tamanho -largura x comprimento- é confeccionado do tamanho que vc pedir, basta entrar em contato com as empresas especializadas - tio google sabe, pergunta pra ele :heh: ) Já vi um socó-noturno vomitar uns 20 kinguios de 3-4cm quando foi pego numa rede (rede de espera, dessas de pesca mesmo) colocada em um viveiro de peixes ornamentais, e era um só...

A ninfa da libélula, ou ninfa de Odonata é de fato um baita problema pra piscicultura, mas na fase em que as larvas dos peixes são transferidas para os viveiros escavados (tanques de terra), quando os peixinhos atingem o tamanho de 2,5 - 3,5cm ("alevino") já não representam tanto problema, pois são poucas as espécies de libélulas em que as ninfas atingem um tamanho maior que 5cm.

A sugestão do Normando, em utilizar "tanques berçários" é uma boa, mas vc vai precisar alimentar e observar a sanidade dos peixes, pois ao confiná-los vc limita a procura por alimento e adensa, tornando o ambiente favorável à propagação de doenças e parasitos, além de outras questões como a limpeza da malha, que quanto menor, mais fácil de sujar e diminuir o fluxo de água dentro do berçário...

Existem muitos outros fatores para serem considerados, mas aí só vendo o local e conversando pra chegar em uma solução satisfatória.

Qualquer coisa pode perguntar! :ok: :ok: :ok:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Criar peixes é mais complicado do que muitos imaginam. Já vi diversas pessoas abandonarem a atividade por causa de predadores(ornamentais principalmente). Umacoisa é ter um lago e nunca acompanhar como está indo a criação e dai tirar conclusões não reais. Outra coisa é vc acompanhar semanalmente passando redes para ver o desenvolvimento etc. Dai é que vc perceberá que seus peixes estão diminuindo.Um martin pescador come cerca de dez peixes por dia.Pior ainda quando estão alimentando seus filhotes, pois vem inumeras vezes e levam para seus ninhos. Faça a conta e verá. Garças e socós comem o dia inteiro. Um casal de lontras comem cerca de oito quilos por noite. Sem falar que matam e deixam para traz. Faça a conta. Acontece que quando os peixes diminuem muito eles procuram outros locais. Acabar com os peixes geralmente não acontece. Numa criação comercial, não podemos perder um peixe sequer, que já é prejuizo. Portanto é necessário levar em conta,que para cada caso existe uma solução, ou as vezes nem precisa de solução pois a criação é por hobby. Mas se for comercial ou para consumo próprio, o fracasso é certo se não forem tomadas as devidas precauções. Mas cada um tem a sua opinião e experiencia. No meu caso fracassei tres vezes numa criação para consumo próprio, e duas vezes com ornamentais. Mas como disse, o investimento é caro. Só depois que resolvi telar e eletrificar é que me livrei das lontras e aves. Me desculpem se fui radical, mas essa é a realidade que levou ao fracasso muitos criadores, inclusive biologos que não acreditaram no meu papo. Abraços.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

espantalho_grande.png

Tenta isso...

É... vai virar um lindo poleiro pra garça e socó depois de uns dois ou três dias na beira do lago :heh:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Estou pensando em cercar o lago é deixar um cachorro preso lá dentro, seria uma boa? seguindo a cadeia alimentar kk'

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

kkkk a ideia do cachorro pode dar certo siim!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não funciona. Ja tentaram isso. As aves se acostumam com o cão e o cão com as aves. As lontras são eximias nadadoras. Durante uns dez anos meus cinco cães so mataram uma lontra. So cercando totalmente com tela e choque na cerca pois as lontras escalam o telado e rasgam as telas anti-pássaros.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Guest Normando

Não funciona. Ja tentaram isso. As aves se acostumam com o cão e o cão com as aves. As lontras são eximias nadadoras. Durante uns dez anos meus cinco cães so mataram uma lontra. So cercando totalmente com tela e choque na cerca pois as lontras escalam o telado e rasgam as telas anti-pássaros.

Meu caro Mikio,

só que Lontras não se acha tão facilmente hoje não. E em algumas regiões elas nem existem mais. Aqui não acha nem pra remédio, inclusive aquelas que te prometi iam ser capturadas aí mesmo. :D :D :D

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Meu caro Mikio,

só que Lontras não se acha tão facilmente hoje não. E em algumas regiões elas nem existem mais. Aqui não acha nem pra remédio, inclusive aquelas que te prometi iam ser capturadas aí mesmo. :D :D :D

KKKKKKKKKKKKKKKK Vou mandar umas para a sua região. Mas no caso das aves os cães não resolvem.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Entre para seguir isso  

Parceiros: www.petsEXPERT.pt