Entre para seguir isso  
Veronica Caravelas

Septicemia

Recommended Posts

Pessoal, boa tarde,

Não sei se estou no tópico correto, qualquer coisa me falem.

Um rapaz de onde eu trabalho estava na roça.. limpando o peixe o qual ele pescou, a mão dele inchou, foi ao "hospital", foi medicado e voltou pra casa, depois disso os braços também começaram a inchar e retornou ao hospital, onde foi encaminhado para um hospital de maior porte, morrendo lá de Septicemia. Pelo que eu entendo, o peixe devia estar com essa doença, que é uma infecção generalizada, e passou para ele.

Não sei se é possível mas foi o que nos foi dito.

Em todos os casos, é sempre bom termos cuidado.

  • Like 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

:blink::blink: 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Talvez os médicos tenham mais alguma informação que não contaram.
Septicemia é infecção generalizada comprometendo funcionamento de vários órgãos vitais.
Não sou médico, mas acho que é difícil um quadro evoluir assim em poucas horas depois do contágio. O mais provável é que o camarada já estivesse com algum processo infeccioso nos últimos dias e que evoluiu dessa forma. Talvez não tenha relação com o peixe ou a pescaria.
Se tiver mais notícia informa aí pra gente.
Fico com o teu conselho: em todos os casos, é sempre bom termos cuidado.

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Leigo no assunto, fica difícil opinar, mas penso que talvez o problema já existisse ou estava para acontecer e coincidiu com o trato com o peixe. :coolio: 

Contudo, a ver se aparece alguém com algum cacife no conhecimento deste assunto para podermos ter uma explicação plausível., :ok: 

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi Veronica!
Sim é possível isso acontecer e nem é tão incomum quanto a gente pensa... já vi de perto pessoas contaminadas com bactérias presentes em peixes, e não é bonito o jeito que ficam as feridas depois... A bactéria em questão foi identificada como Mycobacterium sp. e se procurar no Google, vai ver algumas lesões. Eu mesmo já peguei um diabo de um fungo que deixou minha barba toda falhada por uns bons anos... graças a Deus desapareceu. Isso pq eu trabalhava com peixes e acabei coçando o rosto durante o manejo e deu no que deu... Também já tomei uma espetada na mão de uma tilápia e que custou a cicatrizar e por um bom tempo ficou minando pus. Há muitos tipos de bactérias ( Streptococcus, Mycobacterium, Aeromonoas, Staphylococcus...)que podem ser transmitidas através do contato com peixes (principalmente se tiver alguma lesão na pele, uma espetada, uma ferida, um arranhão ou simples contato se a pessoa estiver com a imunidade baixa) e que causam infecções graves se não forem tratadas adequadamente. Em pesque e pague onde o pessoal costuma relatar que a qualidade da água não é boa (aquele caldão verde :P) e com peixes com olhos saltados, abdômen inchado e lesões pelo corpo, eu não recomendaria ficar abraçando e beijando o peixe como se faz por aí...  E não se enganem, eu peguei o fungo de peixes ornamentais e a água onde eram criados, bem cristalina e oxigenada, melhor que muito pesqueiro, lago ou rio que tem por aí...

  • Like 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
23 minutos atrás, Calelo disse:

Talvez os médicos tenham mais alguma informação que não contaram.
Septicemia é infecção generalizada comprometendo funcionamento de vários órgãos vitais.
Não sou médico, mas acho que é difícil um quadro evoluir assim em poucas horas depois do contágio. O mais provável é que o camarada já estivesse com algum processo infeccioso nos últimos dias e que evoluiu dessa forma. Talvez não tenha relação com o peixe ou a pescaria.
Se tiver mais notícia informa aí pra gente.
Fico com o teu conselho: em todos os casos, é sempre bom termos cuidado.

É...também pensei nisso... que já estivesse com algo. Ainda não sei direito o que ocorreu, mas informo!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
22 minutos atrás, Domingos Bomediano disse:

Leigo no assunto, fica difícil opinar, mas penso que talvez o problema já existisse ou estava para acontecer e coincidiu com o trato com o peixe. :coolio: 

Contudo, a ver se aparece alguém com algum cacife no conhecimento deste assunto para podermos ter uma explicação plausível., :ok: 

Verdade...pode ser...Obrigada pela resposta.

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
22 minutos atrás, lggianne disse:

Oi Veronica!
Sim é possível isso acontecer e nem é tão incomum quanto a gente pensa... já vi de perto pessoas contaminadas com bactérias presentes em peixes, e não é bonito o jeito que ficam as feridas depois... A bactéria em questão foi identificada como Mycobacterium sp. e se procurar no Google, vai ver algumas lesões. Eu mesmo já peguei um diabo de um fungo que deixou minha barba toda falhada por uns bons anos... graças a Deus desapareceu. Isso pq eu trabalhava com peixes e acabei coçando o rosto durante o manejo e deu no que deu... Também já tomei uma espetada na mão de uma tilápia e que custou a cicatrizar e por um bom tempo ficou minando pus. Há muitos tipos de bactérias ( Streptococcus, Mycobacterium, Aeromonoas, Staphylococcus...)que podem ser transmitidas através do contato com peixes (principalmente se tiver alguma lesão na pele, uma espetada, uma ferida, um arranhão ou simples contato se a pessoa estiver com a imunidade baixa) e que causam infecções graves se não forem tratadas adequadamente. Em pesque e pague onde o pessoal costuma relatar que a qualidade da água não é boa (aquele caldão verde :P) e com peixes com olhos saltados, abdômen inchado e lesões pelo corpo, eu não recomendaria ficar abraçando e beijando o peixe como se faz por aí...  E não se enganem, eu peguei o fungo de peixes ornamentais e a água onde eram criados, bem cristalina e oxigenada, melhor que muito pesqueiro, lago ou rio que tem por aí...

Opa! Obrigada pela resposta. Ficou mais fácil entender agora. Assim que eu tiver mais informações eu falo.

Obrigada.

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O perigo é real. Um ferimento, não apenas causado por peixe, pode ser contaminado e aparecer uma infecção. Foi muito azar do rapaz, mas sempre pode haver perigos nas coisas mais mundanas e comezinhas que fazemos no dia a dia.

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu não me preocupo com isso. Não sou nenhum porco e não enfio ***** em machucados, mas não sou imunossuprimido e não tenho medo de morrer de uma infecção espontânea. Já vi casos de diabéticos que quase sofreram amputações devido a feridas em ferrão de bagre ou de pacientes de leucemia que morreram depois de comer uma coxinha de lanchonete, mas gente sem problema nenhum entrar em septicemia assim de bobeira não acontece com tanta facilidade, quem ai nunca esfolou as mãos limpando peixe? semana passada eu tava com as mãos todas arregassadas depois de uma semana pescando limpando e manuseando tucunas em Tres marias e dois dias depois ja estava tudo cicatrizado.  Não estou dizendo que um ferimento causado por um peixe não possa vir a infeccionar, mas pessoas com saude normal tem tempo para tratar uma infecção que está começando. Eu trabalho em uma clinica veterinária e ja tive diversos acidentes com diversos animais com diversos tipos de contaminação e o máximo que já me aconteceu foi ter de tomar umas vacinas de raiva e alguns dias de antibióticos.

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
12 horas atrás, christianocosta disse:

Eu não me preocupo com isso. Não sou nenhum porco e não enfio ***** em machucados, mas não sou imunossuprimido e não tenho medo de morrer de uma infecção espontânea. Já vi casos de diabéticos que quase sofreram amputações devido a feridas em ferrão de bagre ou de pacientes de leucemia que morreram depois de comer uma coxinha de lanchonete, mas gente sem problema nenhum entrar em septicemia assim de bobeira não acontece com tanta facilidade, quem ai nunca esfolou as mãos limpando peixe? semana passada eu tava com as mãos todas arregassadas depois de uma semana pescando limpando e manuseando tucunas em Tres marias e dois dias depois ja estava tudo cicatrizado.  Não estou dizendo que um ferimento causado por um peixe não possa vir a infeccionar, mas pessoas com saude normal tem tempo para tratar uma infecção que está começando. Eu trabalho em uma clinica veterinária e ja tive diversos acidentes com diversos animais com diversos tipos de contaminação e o máximo que já me aconteceu foi ter de tomar umas vacinas de raiva e alguns dias de antibióticos.

Como eu disse ele estava na roça e não tinha acesso fácil a um bom hospital para que fosse diagnosticado e medicado mais rapidamente e corretamente. A infecção se espalhou rápido e o dificil acesso ao hospital piorou a situação.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Gosto nem de pensar nesses riscos, sei que são reais, já tive a mão inchada por dias por manusear pedaços de lula e é bem chato a sensação!

Tomara que o rapaz melhore :joia:

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 minuto atrás, Ricardo Valim disse:

Gosto nem de pensar nesses riscos, sei que são reais, já tive a mão inchada por dias por manusear pedaços de lula e é bem chato a sensação!

Tomara que o rapaz melhore :joia:

Olá... nem me fale.

Infelizmente ele faleceu depois de dois dias. Hoje conversarei com a familia já que trabalho administrando o seguro de vida dos funcionários, e caso tenha mais informações eu digo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
10 minutos atrás, Veronica Caravelas disse:

Olá... nem me fale.

Infelizmente ele faleceu depois de dois dias. Hoje conversarei com a familia já que trabalho administrando o seguro de vida dos funcionários, e caso tenha mais informações eu digo.

 Nossa que triste noticia... :eek:

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Agora, Ricardo Valim disse:

 Nossa que triste noticia... :eek:

Verdade...triste demais. A família pediu a autopsia.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Uma pena Veronica... para isso não se da jeito

Mas como leigo no assunto eu também gosto de pensar como a maioria. O rapaz deveria estar com algum problema de imunidade ou sei la... pois o manuseio de um peixe leva-lo a óbito é um pouco complicado... mesmo levando em consideração o difícil acesso a um bom hospital...

Meu irmão teve uma experiencia uma vez, comendo um bagre que fiz assado, ele limpou até a espinha do peixe... mas depois ficou meio lesado... a principio pensei que fosse a cerveja que ele bebeu, mas acredito que não, pois cerveja ele sempre bebia e nesse dia ele ficou dopadão mesmo... Agora sempre fico meio cabreiro comendo bagre...rs

 

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acabo de falar com a familia, realmente o que aconteceu foi isso, ele estava limpando o peixe que pescou e se cortou, depois de um tempo ele começou a sentir dormencia e a mão inchou e ficou vermelha. Porém a familia informou que o filho deles estava com dengue, e que possivelmente o senhor também estava, talvez com a imunidade mais baixa pode ter piorado a situação.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
6 minutos atrás, Veronica Caravelas disse:

Acabo de falar com a familia, realmente o que aconteceu foi isso, ele estava limpando o peixe que pescou e se cortou, depois de um tempo ele começou a sentir dormencia e a mão inchou e ficou vermelha. Porém a familia informou que o filho deles estava com dengue, e que possivelmente o senhor também estava, talvez com a imunidade mais baixa pode ter piorado a situação.

É... pelo jeito é como pensei, ou seja, que havia algum outro detalhe já em andamento e que coincidiu com o trato com o peixe, obviamente que não descartando a possibilidade deste ter sido o catalisador para o problema.

De qualquer forma, uma perda lamentável para a Família! Que estejam confortados em sua fé! :simsim: 

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 minuto atrás, Domingos Bomediano disse:

É... pelo jeito é como pensei, ou seja, que havia algum outro detalhe já em andamento e que coincidiu com o trato com o peixe, obviamente que não descartando a possibilidade deste ter sido o catalisador para o problema.

De qualquer forma, uma perda lamentável para a Família! Que estejam confortados em sua fé! :simsim: 

Verdade.

Eles estão arrasados, mas quem tem fé tem tudo. Vai dar tudo certo.

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Meu pai faleceu disso dai dia 20 dezembro

Ele tinha 82 anos, fumou 60 anos seguidos e parou fazia 10 anos, mas os pulmões estavam comprometidos, ficou no hospital 3 semanas.

Os braços e pernas foram inchando, falta de ar , dificuldades para respirar

Faleceu fazendo inalação.

 

No atestado de Obito saiu isso dai Septcemia.

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
13 horas atrás, Adalberto Betti disse:

Meu pai faleceu disso dai dia 20 dezembro

Ele tinha 82 anos, fumou 60 anos seguidos e parou fazia 10 anos, mas os pulmões estavam comprometidos, ficou no hospital 3 semanas.

Os braços e pernas foram inchando, falta de ar , dificuldades para respirar

Faleceu fazendo inalação.

 

No atestado de Obito saiu isso dai Septcemia.

Nossa sinto muito. É muito triste.... 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pensei agora: a famosa lubrificada que se faz antes do aperto final do nó pode ser perigosa também não é mesmo? Porque colocar a boca na linha do carretel que já foi e voltou inúmeras vezes da água pode fazer com que alguma bactéria tanto do peixe como da água entre diretamente pela mucosa...:weirdsmiley:

Oque vocês acham?

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
55 minutos atrás, Tiago_A disse:

Pensei agora: a famosa lubrificada que se faz antes do aperto final do nó pode ser perigosa também não é mesmo? Porque colocar a boca na linha do carretel que já foi e voltou inúmeras vezes da água pode fazer com que alguma bactéria tanto do peixe como da água entre diretamente pela mucosa...:weirdsmiley:

Oque vocês acham?

Sim, se já tiver algum ferimento na boca. Mas você se admiraria da quantidade de bactérias que já vivem normalmente em sua boca no dia a dia. Coisa de milhões. Se fosse tão perigoso assim, essas também provocariam problemas.   

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Entre para seguir isso  

Parceiros: www.petsEXPERT.pt