Entre para seguir isso  
allanog

Aumento do preço do pesqueiros em SP

Recommended Posts

Pensar é causar...!

Meus amigos já pescava muito antes de surgir este espaço comercial, se não nasci pescador me tornei um, logo me pus a caminhar, com varinhas de bambus, os amigos que me levavam não tinha carro, era no "cata osso" cheio mesmo, abrindo trilhas na mata, fazendo longas caminhadas , sentindo o cheiro de água...onde tem água tem peixe, muito peixes peguei, aprendi a amar cada pedacinho de trilha da mata, dos pequenos cheios de vida que pouco são visto quando não pisoteados. Frequentei inicialmente alguns muitos aqui mencionados, mas nunca me senti satisfeito com a relação comercial X lazer, faltava o livre arbítrio. Finalmente apenas para proporcionar esse aprendizado aos meus pequeninos filhos os assistiam no manuseio,  acompanhando para dar lhes segurança na presença de pai. Quando então aptos na atividade introduzi-os ao ambiente rustico de mata ciliar publica aos barrancos de rios, a quantidade de peixe não era o objetivo, nem mesmo o peixe. Afirmo: seus olhos brilhavam a cada caminhada entre a vegetação, fazendo pic-nic com os arranjos improvisados, a cada lição ensinada na arte da pesca, nos perigos ocultos a cada passo.

Saibam valorizar o que todos nós tínhamos antes! sempre foi livre, gratuito, seja um construtor. Ou voce nasceu como pescador já dentro de um ambiente hostil a contraponto ao espirito da natureza? - O RIO É MINHA VIDA - ALMA DE LAMBARI...roque.

  

  • Thanks 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O interessante é que essa discussão sobre preço de pesqueiro já ocorreu neste Fórum pelo menos umas duas vezes antes. Desde  que nasci que ouço que os preços estão aumentando. De tudo. Nasci sob inflação, cresci sob ela. Tive salário milionário nos valores, mas que na verdade, não valia grande coisa nas compras.  Passei pelo governo Collor e fui roubado diretamente pelo governo, não indiretamente pelos impostos, e isso é currículo hoje para se saber o que é ser roubado oficialmente e não ter a quem recorrer. Vi os maiores escândalos de corrupção do mundo acontecerem quase aqui do lado. Montanhas de dinheiro. Os bandidos são patéticos em suas fisionomias e seus anseios. Quando você vê , é tudo papel. Ilusão. Tolos. 

Preço é uma coisa que sempre ficará mais caro. A questão é o custo benefício.

  • Like 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em ‎19‎/‎10‎/‎2017 at 18:08, Castropc disse:

Os caras criaram uma "Associação" ondem divulgam regras e aumentos de ordem orquestrada para não reclamarmos com um pesqueiro exclusivo.

Percebi que havia passado muito quando frequentava esses ambientes e os aboli, mudei minha atitude retornando as raízes exploratória do meio ambiente natural.

aos ainda adeptos que se submetem aos inescrupulosos exploradores proprietários, só lhes restam também se unirem, um caminho adequado para criar um complô para enfraquecer a unificação do sistema é através das redes sociais e sites, somando a esses a atitude de não mais comparecer. lembrem-se a união faz a força.- vocês são unidos?  

não basta fazer o papel de bife na frigideira, voce não é pipoca mas dê os seus pulinhos! tome a sua atitude individual buscando as suas origens quando aprendeu a pescar.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
4 minutos atrás, Mauricio. disse:

O interessante é que essa discussão sobre preço de pesqueiro já ocorreu neste Fórum pelo menos umas duas vezes antes. Desde  que nasci que ouço que os preços estão aumentando. De tudo. Nasci sob inflação, cresci sob ela. Tive salário milionário nos valores, mas que na verdade, não valia grande coisa nas compras.  Passei pelo governo Collor e fui roubado diretamente pelo governo, não indiretamente pelos impostos, e isso é currículo hoje para se saber o que é ser roubado oficialmente e não ter a quem recorrer. Vi os maiores escândalos de corrupção do mundo acontecerem quase aqui do lado. Montanhas de dinheiro. Os bandidos são patéticos em suas fisionomias e seus anseios. Quando você vê , é tudo papel. Ilusão. Tolos. 

Preço é uma coisa que sempre ficará mais caro. A questão é o custo benefício.

E nunca vai mudar HU, é milenar!

ah! estão franqueando a sorveteria?...vou aumentar o leque de coberturas...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
8 minutos atrás, Mauricio. disse:

Preço é uma coisa que sempre ficará mais caro. A questão é o custo benefício.

exatamente ... não me importo de pagar mais caro , se o ambiente me agrada e satisfaz ... ruim é pagar menos e ser uma porcaria ...

se é caro e ruim ... errado sou eu de ir ... 

  • Like 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

eu não critico os pesqueiro porque não sou ( e nunca fui ) proprietário de algum ... ( apesar de ter amizade com vários ) ...

só quem é dono pra saber as reais necessidades financeiras de cada um ... sem que isso caracterize necessariamente em exploração ao frequentador ...

se é caro pra mim ( ou acho caro ) , não vou ( ou arranjo outra coisa pra fazer ) ... não vou morrer por causa disso ... 

 

 

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Por isso hoje em dia eu priorizo os pesqueiros que de fato priorizam os peixes, o ambiente, e não tem como prioridade o valor que vão ganhar em cima. Entendo que tem inflação, custos, gastos... e etc. Mas pagar caro pra ir num pesqueiro onde provavelmente vai ter algum tipo de briga ou discussão, não rola. Prefiro dirigir 2 horas e ir atrás de um local agradável sem baderneiros.

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Aqui em Sâo Carlos, pago R$25,00 em um pesqueiro e R$20,00 em outro, mas não se compara aos pesqueiros ai de perto da capital.

Por exemplo, não tem tambas grandes e tal..

R$25,00 acho justo para ficar o dia inteiro. Agora R$60,00 é dose hein.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em ‎23‎/‎10‎/‎2017 at 09:05, Veronica Caravelas disse:

Por isso hoje em dia eu priorizo os pesqueiros que de fato priorizam os peixes, o ambiente, e não tem como prioridade o valor que vão ganhar em cima. Entendo que tem inflação, custos, gastos... e etc. Mas pagar caro pra ir num pesqueiro onde provavelmente vai ter algum tipo de briga ou discussão, não rola. Prefiro dirigir 2 horas e ir atrás de um local agradável sem baderneiros.

Concordo plenamente contigo Veronica e também com o nossos amigos Armando Ito e Mauricio. São as razões que já no inicio da modalidade me expulsaram do ambiente. Penso que agregar valores corretamente de forma inteligente às atividades seriam mais lucrativas e menos exploratórias.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em ‎21‎/‎10‎/‎2017 at 08:20, Roque Moraes disse:

Pensar é causar...!

Meus amigos já pescava muito antes de surgir este espaço comercial, se não nasci pescador me tornei um, logo me pus a caminhar, com varinhas de bambus, os amigos que me levavam não tinha carro, era no "cata osso" cheio mesmo, abrindo trilhas na mata, fazendo longas caminhadas , sentindo o cheiro de água...onde tem água tem peixe, muito peixes peguei, aprendi a amar cada pedacinho de trilha da mata, dos pequenos cheios de vida que pouco são visto quando não pisoteados. Frequentei inicialmente alguns muitos aqui mencionados, mas nunca me senti satisfeito com a relação comercial X lazer, faltava o livre arbítrio. Finalmente apenas para proporcionar esse aprendizado aos meus pequeninos filhos os assistiam no manuseio,  acompanhando para dar lhes segurança na presença de pai. Quando então aptos na atividade introduzi-os ao ambiente rustico de mata ciliar publica aos barrancos de rios, a quantidade de peixe não era o objetivo, nem mesmo o peixe. Afirmo: seus olhos brilhavam a cada caminhada entre a vegetação, fazendo pic-nic com os arranjos improvisados, a cada lição ensinada na arte da pesca, nos perigos ocultos a cada passo.

Saibam valorizar o que todos nós tínhamos antes! sempre foi livre, gratuito, seja um construtor. Ou voce nasceu como pescador já dentro de um ambiente hostil a contraponto ao espirito da natureza? - O RIO É MINHA VIDA - ALMA DE LAMBARI...roque.

  

Excelente Roque!

Quanto comecei a pescar com meu avô, íamos pescar em pequenos riozinhos de correnteza aonde pegávamos lambaris e pequenos mandís ou bagres quando a água estava mais turva e, para acessar os riozinhos, íamos a pé mesmo ... era fantástico acompanhar meu avô e aprender suas técnicas e vê-lo pescando. Logo estes riozinhos foram afetados pelo crescimento industrial (um abatedouro jogava os dejetos nele) e mudamos o ponto de pesca, um pouco mais distante, que íamos de fusquinha com um feixe de varas e as iscas em potinhos de manteiga, geralmente cupim que ele pegava no pasto e minhoca, a isca universal que apanhávamos no quintal da casa dele  ... pescaria fantástica que hoje, não faz-se mais pois o rio está assoreado devido ao plantio desenfreado de cana aqui na região. 

Hoje não tenho nem os pontos de pesca e nem meu avô para poder aprender e ter a "alma de lambari" de novo ... o que resta hoje é saudade deste tempo.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Se não me engano o Córrego das Antas também subiu o preço.

Sobre os pesqueiros, a ulitma vez que fui no Córrego (isso que fica a 70 km de casa) foi em outubro/16 ... o dia que estava lá chegou uma turma de 22 pescadores, chegaram já pegando barco e indo até o meio do lado e cevando, fazendo bagunça, gritando e como estava com meu enteado de 12 anos, preferi ir pra casa ao deixa-lo vendo aquela bagunça e entender que pescaria era daquela forma.

Tenho ido muito a um pesqueiro menor, ambiente familiar aonde os enormes tambas chegam aos se 8kg, porém, tenho sucesso e posso levar até meu pequeno de 1 ano e meio, que não tenho problemas algum, e ainda tem um filé de tilapia a parmegiana que é fantástico.

Tenho preferido a pesca de caiaque aos pesqueiros e mesmo assim, e alguns pontos de pesca, ainda vemos muitos baderneiros nas beiradas e sem contar a imensidão de redes e pessoas com suas tarrafas ... esse problema de bagunça não é só em pesqueiros ...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 minuto atrás, Carlos Caffer disse:

Excelente Roque!

Quanto comecei a pescar com meu avô, íamos pescar em pequenos riozinhos de correnteza aonde pegávamos lambaris e pequenos mandís ou bagres quando a água estava mais turva e, para acessar os riozinhos, íamos a pé mesmo ... era fantástico acompanhar meu avô e aprender suas técnicas e vê-lo pescando. Logo estes riozinhos foram afetados pelo crescimento industrial (um abatedouro jogava os dejetos nele) e mudamos o ponto de pesca, um pouco mais distante, que íamos de fusquinha com um feixe de varas e as iscas em potinhos de manteiga, geralmente cupim que ele pegava no pasto e minhoca, a isca universal que apanhávamos no quintal da casa dele  ... pescaria fantástica que hoje, não faz-se mais pois o rio está assoreado devido ao plantio desenfreado de cana aqui na região. 

Hoje não tenho nem os pontos de pesca e nem meu avô para poder aprender e ter a "alma de lambari" de novo ... o que resta hoje é saudade deste tempo.

 

A saudade é a presença dos ausente Carlos...hoje sou um felizardo pelo fato de ter mudado para Pederneiras, vou para São Paulo sempre, ainda mantenho minha casa, mas já não tenho esses redutos de pesca, vou sempre no riachinho que só tem água porque é sangradouro de um pesqueiro quando está cheio, no riozinho onde desagua se assemelha ao que você descreve. Estando no interior tenho um riachinho no meio do canavial, onde se mantem limpo fora do perímetro urbano.  

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 20/10/2017 at 13:46, Thiago Cesar Reducino disse:

Claro que o valor cobrado a partir de um certo momento e considerando nosso deslocamento e alimentação começa a ser um impeditivo, mas oque realmente está fazendo eu deixar de frequentar os grandes pesqueiros é o atendimento ruim e os pescadores modinha....

Sinceramente não tenho mais paciência pra me misturar com esses caras, principalmente quando tem as tais equipes de pesca......  Na última vez que fui no Maeda, juntei minhas coisas no meio do dia pra não arrumar confusão pois estava com minha família e fui embora.......

Tinha um FDP com um megafone gritando e um babaca com um baldão de ração cevando na ponte...... MEU OQUE É ISSO!!!

Aí você soma o valor gasto com a locomoção, alimentação, entrada do pesqueiro e mais o stress....... Sinceramente, por mais que acabe pescando muito menos mais junto essa grana e vou poucas vezes no ano em algum hotel legal com a família perto de algum lugar que seja piscoso.... por mais que seja pouco piscoso me satisfaço pescando alguns lambaris e tilápias sossegado na beira de um rio ou represa!!

Ja passei por algo parecido no ano passado, a solução foi migrar para o UL. Não preciso chegar de madruga ao pesqueiro e enquanto o pessoal da cevadeira estão disputando cada metrinho do lago, vc fica em um lago alternativo (normalmente com pescadores mais velhos) e com belas brigas com as tilápias, carpas, traíras, etc...

Inclusive em relação ao preço é uma vantagem ja que alguns pesqueiros tem um lago principal com valores diferenciados (mais caros).

 

Abraço!

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Roque Moraes disse:

A saudade é a presença dos ausente Carlos...hoje sou um felizardo pelo fato de ter mudado para Pederneiras, vou para São Paulo sempre, ainda mantenho minha casa, mas já não tenho esses redutos de pesca, vou sempre no riachinho que só tem água porque é sangradouro de um pesqueiro quando está cheio, no riozinho onde desagua se assemelha ao que você descreve. Estando no interior tenho um riachinho no meio do canavial, onde se mantem limpo fora do perímetro urbano.  

Moro no interior também, em 15 min estou na beira do rio ... mas essas pescarias são as que mais me fazem falta!

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Absurdo isso!!!  aqui no interior de São Paulo já estão cobrando 65,00 e ainda encheram os tanques de câmera para ver se você levou bebida ou comida. Além de você pagar uma taxa absurda desta, tem que pegar alimentação e bebida deles o que é muito caro. Tá ficando um esporte de rico mesmo, além de pagar a taxa temos que incluir; combustível, iscas, pedágios e alimentação no local e pra piorar, no dia que fomos neste pesqueiro, tivemos que pagar a pescaria e um dos amigos que só levou cartão débito e o pesqueiro não pegava cartão algum. Tivemos que rachar entre os amigos para fechar a conta. Hoje até o verdureiro que passa aqui na rua aceita cartão e tem vários pesqueiros que não aceita, e pesqueiro de nome.

Estou selecionando os pesqueiros agora!!! vamos ficar de olho amigos e temos que protestar sim, diante de taxa abusiva.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
15 horas atrás, Cesao2010 disse:

Ja passei por algo parecido no ano passado, a solução foi migrar para o UL. Não preciso chegar de madruga ao pesqueiro e enquanto o pessoal da cevadeira estão disputando cada metrinho do lago, vc fica em um lago alternativo (normalmente com pescadores mais velhos) e com belas brigas com as tilápias, carpas, traíras, etc...

Inclusive em relação ao preço é uma vantagem ja que alguns pesqueiros tem um lago principal com valores diferenciados (mais caros).

 

Abraço!

É uma excelente alternativa!!

Tenho dois conjuntinhos UL também e são diversão garantida!!

Grande Abraço!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, cidpescador disse:

Absurdo isso!!!  aqui no interior de São Paulo já estão cobrando 65,00 e ainda encheram os tanques de câmera para ver se você levou bebida ou comida. Além de você pagar uma taxa absurda desta, tem que pegar alimentação e bebida deles o que é muito caro. Tá ficando um esporte de rico mesmo, além de pagar a taxa temos que incluir; combustível, iscas, pedágios e alimentação no local e pra piorar, no dia que fomos neste pesqueiro, tivemos que pagar a pescaria e um dos amigos que só levou cartão débito e o pesqueiro não pegava cartão algum. Tivemos que rachar entre os amigos para fechar a conta. Hoje até o verdureiro que passa aqui na rua aceita cartão e tem vários pesqueiros que não aceita, e pesqueiro de nome.

Estou selecionando os pesqueiros agora!!! vamos ficar de olho amigos e temos que protestar sim, diante de taxa abusiva.

 

Esse negócio de obrigar a consumir somente alimentação e bebidas fornecidas pelo pesqueiro é a famosa "Venda Casada" e configura crime contra o consumidor...... em pesqueiros que vem com essa safadeza eu não passo nem na porta!!

Já tive alguns problemas com isso em um pesqueiro na região do ABC, e olha que não foi nem por conta do preço da alimentação, era porque a comida do pesqueiro era péssima mesmo!!!!

Abraço.

Thiago

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 24/10/2017 at 10:30, Cesao2010 disse:

Ja passei por algo parecido no ano passado, a solução foi migrar para o UL. Não preciso chegar de madruga ao pesqueiro e enquanto o pessoal da cevadeira estão disputando cada metrinho do lago, vc fica em um lago alternativo (normalmente com pescadores mais velhos) e com belas brigas com as tilápias, carpas, traíras, etc...

Inclusive em relação ao preço é uma vantagem ja que alguns pesqueiros tem um lago principal com valores diferenciados (mais caros).

 

Abraço!

Hoje em dia compartilho do mesmo pensamento. Saio de casa para pescar apenas com meus equipamentos de UL e um conjunto #4 de flyfishing caso de vontade de tentar algo na superfície. Por que? Justamente para pescar nos pesqueiros com peixes menores ou nos lagos mais tranquilos dos pesqueiros maiores. 

Tenho ido muito no parque maeda. Apesar da paisagem não ser das mais bonitas (tanques de cimento), é perfeito para pescar de UL e flyfishing, e por ter vários lagos, nunca tive problema de pegar o pesqueiro abarrotado, já que sempre um dos lagos está mais tranquilo.

Tancão e tanques de engorda? Passo longe. Aliás, nem levo equipamento para pescar nestes lagos! ;) 

  • Haha 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 19/10/2017 at 12:33, Victor Stevan disse:

E eu concordo...

Pelo amor de Deus... Estão abusando hein. Estava querendo muito ir no Maeda para tentar os grandes tambas, mas, torna-se praticamente proibitivo, pois, além da entrada estar absurda, o restaurante também "acompanha" o nível.

Deixei de ir nos pesqueiros de "renome" pelo alto valor cobrado e também, pela loucura que se tornou... Um bando de malucos querendo furar fila, arremessando na sua direção pra tentar te "espantar" dali... Enfim... Um stress só.

Últimamente prefiro ir em pesqueiros menos conhecidos e passar um dia agradável com peixes menores do que encarar essa loucura toda...

Desculpem o desabafo, rs.

Falou a vdd Amigo.

Eu também estou nesta mesma situação.

Um dia com a Família além de ser nada barato acaba se tornando um estresse por esses motivos.

Melhor a fazer é se divertir os mais acessíveis e peixes menores. 

Só não podemos deixar de pescar. 

Abraços

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sou sincero em dizer que 50 para pesca esportiva não acho caro, pois existem custo para manutenção do tamque, limpesa, funcionarios e tudo isso é o mesmo gasto no frio ou calor mesmo sabendo que no frio o ganho é menor, porem os gastos são o mesmo, poderia ser menor se os pescadores ajudassem, porem é normal achar na beira do lago anzol, miçanga, resto de goibada, massa etc, ai se nós não limpamos alguem tem que limpar, quanto a brigas e discuções tambem não vejo como falta do pesqueiro e sim dos usuarios sem educação, é igual briga de transito a culpa não é da cet ou policia e sim dos motorista, creio que 500 kl de ração jogada no lago por dia não deve ser facil a desintoxicação para deixar um peixe saudavel para brigar conosco, pois se encontrarmos peixes fracos e morimbundos simplesmente mudaremos de lugar, é igual as maiorias de equipes de pesca que parecem que são criadas para dominarem os pesqueiros, fazerem bagunças e se alguem chamar atenção poderem brigarem pois são a maioria, tenho certeza que o dia que o pesqueiro é fechado para manutenção, o lago fica top e sabe por que? Porque não pescadores......não estou genarilazando mas cabe para uma boa parte, quanto a comida se for em casa de show é caro, restaurantes só é barato os de vila, bom prato e pf, eu acho que os preços também esta semelhante aos demais lugares, quanto é uma cerveja em um aeroporto, ou em algumas casas de show, não estou defendendo nada nem ninguem, sou usuario tambem, gasto dinheiro tambem, não sou rico, agora oque acho caro mesmo são os equipamentos de prsca, se bem quando divido o valor pago em uma carretilha pelo tempo que ela vai durar vejo que não é tão caro.

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Concluo que deixar de pescar, ninguém aqui deixará.  :smiley-sport041:O que é ótimo. :) As avaliações de custo benefício sempre pautarão nossas escolhas. E, por sorte, há uma considerável quantidade de locais, públicos e privados, à nossa disposição. Que todos peguem muito peixe. :joia:

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em ‎24‎/‎10‎/‎2017 at 11:49, Carlos Caffer disse:

Moro no interior também, em 15 min estou na beira do rio ... mas essas pescarias são as que mais me fazem falta!

Carlos não abro mão destes locais simples e aventureiros, meu lazer é fotografar os minúsculos e curtir o dia no meio do qual faço parte, como sempre afirmo o peixe está lá, o rio não dá peixe, tem que pescar. O maior problema ao meu ver é : pescadores  que buscam o peixe( as vezes além da consciência) e se acostumaram com os maiores , desaprenderam as lições do inicio de tudo quando começou... gosto do desafio mas sem abrir mão do principio. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Moro em Vinhedo e tem uns 5 pesquerios em um raio de 15 KM da minha casa, todos na faixa de R$ 30,00 e com estruturas variadas, acho o preço justo. MAs a maioria só da para pescar de semana pq de final de semana´tem os mesmos problemas dos pesqueiros mais famosos.

Acho que o maior problema não é o preço e sim o retorno que nos trás, o que esta estragando os pesqueiros são os peixes grandes que jutno com eles trazem os frequentadores mal educados ( na maioria equipes).

A disputa pelo maior peixe tem estragado o prazer da pesca, para quem aprendeu a pescar de verdade( na estrada velha do mar no Riacho grande) um peixe de 5 KG já é um grande trofeu....

O que vale é passar o dia e ter uma boa conversa, o resto, bom o resto é resto...

 

 

 

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Quaisquer valor cobrado num pesqueiro a mais, momentaneamente diminuem alguns pescadores mas logo volta a normal.

A maioria dos aumentos nos pesqueiros são em consequências de vandalismo dos próprios pescadores.

Vou colocar como exemplo pesqueiro Ueda, que é meu quintal..

Muitos devem conhecer o sr Hélio dono do pesqueiro. Pessoa amabilíssimo ao extremo,  onde os pescadores incautos confundem educação com  liberdade.

Em conversa com ele, relatou o seguintes vandalismo:

- Foram colocados 20 passaguás. Ontem retornaram da oficina 15.

- Como não ha cerca alguns chegavam 4\5h de madrugada e antes das 7h iam embora carregando peixe. Hoje cercou todo pesqueiro e alguns com certeza vão reclamar. 

- É liberado bebidas e churrascos mas a quantidade de sujeiras deixados pelos pescadores é enorme. De semana da para ver o tamanho do lixo. Gera custo para limpeza.

- Reclamam do papel higiênico mas muitos usam como toalha.

- Como o almoço o comanda é diferente da pesca, já vi comanda jogado fora.

Enfim se houver civilidade, educação...nos poderíamos usufruir uma pescaria saudável como antigamente.   

 

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Aqui em Goiânia não chega a ser muito diferente, mas um dos principais Pesqueiros da cidade que tambem tem hospedagem, faz algumas promoções mensais como por exemplo 1 diária para casal por R$140,00, com direito ao café da manhã e pesca 24hs.

Amanhã(sábado) irei pra lá com a patroa, chegaremos cedo e sairemos apenas no começo da noite de domingo.

A pesca noturna acaba sendo um atrativo a mais!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Entre para seguir isso  

Parceiros: www.petsEXPERT.pt